“A Teia”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 156 (6 a 12 de maio)

Jaime acorda com mensagem do assassino que o felicita pelo bom trabalho que fez. Equipa de peritagem tira fotos e Lopes observa a cena com Vera.

Simão fica a saber por Vera que Elvira morreu e a inspetora exige que lhe diga onde está Tiago, com Simão a assentir que o amigo está inocente.

Tiago entrega a Mário fotos que mostram o assassinato de Elvira e que provam a sua inocência. Tiago entra em casa e Cláudia abraça-o aflita.

Mayra informa Marta que Jaime não está, por ter ido à PJ e Marta envia mensagem à Pessoa. Vera interroga Jaime e mostra as fotos que Tiago entregou à PJ, e Jaime continua a dizer que Tiago é o autor do crime.

Renata, Bruno, Domingos vêm as notícias sobre a morte de Elvira e comentam. Simão conta a Tiago que Vera acha que foi ele quem matou Elvira e Tiago descobre uma escuta na casa de Simão.

Vera entra no gabinete de Mário e fica surpreendia por ver Tiago e Simão. Mário confronta Vera por ter colocado uma escuta na casa de Simão e despromove-a, anuindo que a partir daquele momento terá que andar sempre acompanhada por Lopes.

Vera chega a casa e abre a encomenda que recebeu e vê algo que a deixa com um sorriso de orelha a orelha. Simão comenta que a camisa de Ricardo não pode cair em mãos alheias, e Lara refere que deve ser Marta quem a tem.

Simão diz a Julie que quer falar com Marta, pois acha que ela está ligada ao assassino do capuz e Julie diz que ela não está. Marta chega e Simão confronta-a com a questão da camisa e Julie defende-a.

Tiago e Simão fazem ponto situação, e Simão mostra a sua convicção em ajudar Tiago a provar a sua inocência. Isaura entra em casa e vitimiza-se e Lara mostra-se sem pena da mãe.

Valdemar pede a Isaura que lhe faça o almoço e diz que a aceitou em casa porque ela admitiu que não tinha agido bem, quando ajudou Augusto.

Vera, mostra os resultados do laboratório a Mário, e vinca qua pode prender o assassino. Cláudia sugere ao marido mudarem-se para Lisboa e Tiago acaba por concordar que será o melhor para a família. Batem à porta e é Vera que detém Tiago pelo homicídio de Ricardo. Tiago é levado para a cela e sente-se injustiçado.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close