“A Teia”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 132 (15 a 21 de abril)

Mónica acusa Jaime de a ter violado e ele afirma que se ambos fizerem uma denúncia têm muito a perder. Vera chega e Jaime relativiza, dizendo que está ali para apoiar Mónica.

Jaime pede a Elvira ajuda para apagar um vídeo que está no telemóvel da Mónica e ela pergunta o que pode ganhar em troca, se o ajudar.

Mónica chega a casa e procura a arma numa gaveta, confirmando que está carregada. Tiago e Maria jantam quando Cláudia chega e conta que a Flor voltou para a instituição.

Tiago exige a Maria que vá para o seu quarto e pergunta a Cláudia como conseguiu devolver uma criança.

Flor está devastada e garante à Irmã Miranda que que não fez nada de mal. Tiago reprova o que Cláudia fez e atira-lhe com um poster que Flor preparou para lhes oferecer.

Maria liga a Flor e diz-lhe que ela vai encontrar uma família que a queira adotar, e que os seus pais nunca vão descobrir a verdade.

Simão comenta com Tiago que acha que Mónica é inocente e que quem enviou a foto pode ser o assassino. Simão manda mensagem para esse número, e recebe de imediato uma resposta, que deixa Simão e Tiago nervosos.

Mónica aponta uma arma à cabeça de Jaime e questiona-o porque a violou e Jaime, num gesto rápido, também que aponta uma arma.

Mónica prepara-se para disparar, quando Joana entra e tenta impedir que uma desgraça aconteça, e Mónica acaba por baixar a arma.

Joana pergunta porque é que Mónica não denunciou Jaime e ele diz-lhe que quis evitar a vergonha pública.

Jaime, Cecília, Isaura, Matilde e Gonçalo jantam, Joana chega e pede para falar com Jaime em privado.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close