“Alma e Coração”: Resumo dos próximos episódios

"

103º Episódio (31 de dezembro a 6 de janeiro)

Jacinta procura o pastor para dize que sabe que a construção da igreja é uma fraude e ameaça denunciá-lo. O pastor mostra a gravação onde Jacinta confessa que é culpada da doença de Carmo e deixa-a de mãos atadas.

À saída da casa de Clara, Vitória atende uma chamada de Diana e fala-lhe de forma fria. Diana quer saber como é que ela está e ressalva que se preocupa com ela. Vitória declara que André e ela própria são vítimas das mentiras de Diana e desliga a chamada.

Os Moura chegam a casa do jantar em casa do Macedo e Clara não consegue esconder o seu desagrado. Retira-se da sala e Raimundo chama o filho à atenção e não quer que ele brinque com os sentimentos de Clara.

Gonçalo e Júlia conversam e esta declara que vai ficar com tudo a que tem direito. Gonçalo revela que, desta vez, vai ficar mais tempo em Portugal do que é normal.

Diana conversa com Rodrigo sobre como se sentiu quando soube que ia ser mãe. Como esteve em coma durante a gravidez não criou os laços emocionais com o bebé e rejeitou a filha quando ela nasceu. Rodrigo ouve-a compassivo e Diana receia que André ponha Vitória contra ela.

Ao telefone, Adelaide dá ordem ao gerente do banco para bloquear as contas de Jacinta. Observa ainda que se a mãe levantar problemas ele deve remeter o assunto para si. A seguir, mostra a Jacinta o comprovativo de que a construção da igreja que anda a patrocinar não vai acontecer e acusa a mãe se ter sido burlada. Jacinta fica irritada por se estarem a meter nos seus assuntos.

Diana procura André e pede-lhe que não envenene Vitória contra ela. André responde que não precisa fazer isso pois eu tratou de o fazer sozinha.

Renato não quer ter novos amigos nem precisa de um salvador. Frustrado, António fica sem palavras. Vera aparece e explica que não traiu António e que a gravidez aconteceu antes de estarem juntos. Informa António que vai ter o bebé mas não vai envolver o pai pois ele é casado. Ambos concordam que é melhor terminarem o namoro.

Leonor está de rastos com a morte do avô e não se sente capaz de ir ao funeral. Luís compreende e apoia a filha. Mais do que nunca Leonor quer voltar às aulas ou vai entrar em parafuso.

Margarida visita João na clínica e acha que ele não se deve culpar pela morte de Fernando. João não descansa enquanto não tiver o relatório da autópsia. Acaba por contar a Margarida que Diana o trocou por Rodrigo e a enfermeira abraça-o.

Na rádio, Vitória e Francisca conversam animadas e esta conta à jovem que ela e André tencionavam ficar com ela e criarem-na quando Diana a fez desaparecer. Gil interrompe a conversa para mostrar um vídeo feito por Zé Maria e o seu grupo fascista a enaltecerem o nacionalismo mas ninguém os reconhece.

Hugo vai à rádio ter com Francisca e está muito combalido e não tem coragem para contar nada. Prefere deixar tudo como está pois tem receio que o matem.

Zé Maria lê os comentários de pessoas ao vídeo e a grande maioria insulta as ideias deles. Poucos são os simpatizantes. Miguel ordena que investiguem estes simpatizantes para não correrem riscos.

Nestor leva Simão ao estaleiro e Adelaide fica muito aborrecida com isso. Pede ao pai para falarem a sós e não o poupa a nada. Quer saber se Nestor tenciona levar Simão para trabalhar ali e Nestor não gosta da atitude da filha e deixa-a a falar sozinha.

Ainda abalado, Nestor mostra tudo a Simão mas este percebe que Adelaide não o quer ali.

Jacinta procura o pastor para dize que sabe que a construção da igreja é uma fraude e ameaça denunciá-lo. O pastor mostra a gravação onde Jacinta confessa que é culpada da doença de Carmo e deixa-a de mãos atadas.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close