“Amor à Vida”: Conheça a história da nova novela da noite da SIC

“Amor à Vida” estreia no próximo dia 02 de setembro na SIC. Escrita por Walcyr Carrasco, autor de “Alma Gémea”, “Chocolate com Pimenta” ou “Morde & Assopra”, esta é a aposta de Luís Marques para substituir “Avenida Brasil”.

Fique a conhecer um pouco da história de “Amor à Vida”:

Casados, César (Antonio Fagundes) e Pilar (Susana Vieira) são pais de dois filhos, Félix (Mateus Solano) e Paloma (Paolla Oliveira).

Félix (Mateus Solano) é o queridinho da mãe. Filho mais velho do casal, não tem muito a aprovação do pai nas suas atitudes, mas recebe um irracional apoio materno. Félix ama-se a si próprio, sentimento proporcional à sua falta de caráter. Para ele, só uma pessoa é capaz de atrapalhar os seus planos: Paloma (Paola Oliveira).

Paloma gostava de ser amada pela mãe da mesma forma que é amada pelo pai e que pensa ser amada por Félix. Mas a relação com Pilar vem sempre sustentada por muita tensão. Já com César, é tudo diferente.

A história começa, quando os Khoury viajam para o Peru para comemorar um dos momentos mais importantes da vida de Paloma: a entrada no curso de Medicina. Félix aproveita para dar a cartada que acredita ser definitiva para o rompimento de Paloma com os pais. Embora não tenha provas concretas, ele acredita que Paloma foi adotada por Pilar e César. E é com este trunfo que ele tira a irmã do seu caminho.

Depois de saber a verdade, Paloma (Paolla Oliveira) decide seguir o seu coração quando, ainda no Peru, conhece Ninho (Juliano Cazarré). Deixando tudo para trás e sem um tostão no bolso, os dois aventuram-se e partem para a Bolívia. Lá Paloma descobre que está grávida e decide regressar ao Brasil.

De volta ao seu País, Paloma (Paolla Oliveira) acredita que a única pessoa em quem pode confiar é o irmão, Félix (Mateus Solano). Frio e calculista, ele planeia o futuro de Paloma sem que ela perceba a jogada. No fundo, ele vai tentar, mais uma vez, mantê-la distante.

Após uma discussão num bar, Ninho deixa Paloma e, sozinha, dá à luz uma menina. O parto acontece em condições precárias. Com a ajuda de uma desconhecida, e sem que ninguém da sua família saiba onde está, Paloma perde os sentidos e desmaia, sem ver a filha viva.

Félix, ao ver a criança ao lado da irmã desacordada, não pensa duas vezes: separa mãe e filha. O bebé é deixado por Félix no lixo bem à frente do Hospital San Magno.

Enquanto isso, no centro cirúrgico do San Magno, Bruno (Malvino Salvador) vê o momento mais feliz e esperado de sua vida transformar-se numa grande tragédia. A mulher e seu filho morrem no parto.

No meio da dor, encontra um sopro de vida no seu caminho. Ao deixar o hospital, Bruno ouve o choro de um bebé. Sem que ninguém saiba, acaba por ficar com ela, e dá-lhe o nome de Paula (Klara Castanho).

Doze anos depois, Paloma (Paolla Oliveira) nunca se recuperou pela perda da filha e do gosto doce e amargo da paixão avassaladora que sentiu por Ninho (Juliano Cazarré). No entanto, ao descobrir o paradeiro da filha e a identidade da menina, Paloma fará de tudo par  recuperá-la na justiça. O amor à vida vai colocar o casal em lados opostos, provocando uma disputa entre eles, à medida em que vão ruindo os segredos da família Khoury.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close