António Barreira já tem função definida na ficção da SIC


SIC 25 Anos

Logo comemorativo dos 25 Anos da SIC

António Barreira desligou-se recentemente da TVI e da Plural e vai trabalhar nos próximos tempos com a SIC e SP Televisão.

O autor revelou recentemente que este era já um namoro antigo que «já durava há uns sete ou oito anos». Responsável por novelas de sucesso na TVI, o argumentista negou ainda qualquer mal-estar com Plural.

Segundo a TV7 Dias desta semana António Barreira será agora uma das mentes por trás da sucessora de “Paixão”. Pedro Lopes (de “Laços de Sangue”, “Dancin’ Days” ou “Sol de Inverno”) já idealizou a história que agora contará com o contributo do recém-chegado autor.

O último projeto de Barreira foi “A Impostora”, trama que foi exibida até há meses pela TVI. Para trás ficam ainda projetos como “Fascínios”, “O Beijo do Escorpião” ou “Destinos Cruzados”.

O guionista foi ainda responsável por trazer um Emmy Internacional para a TVI com “Meu Amor”. Curiosamente vai trabalhar com Pedro Lopes que venceu, depois, o mesmo prémio com “Laços de Sangue”.

Esta não será a primeira vez que os dois autores trabalham juntos. “Saber Amar” (TVI), por exemplo, contou com a dupla de escritores, entre outros nomes do guionismo televisivo nacional.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close