“Bem-Vindos a Beirais” atinge a marca dos 500 episódios!


A RTP1 vai emitir amanhã, dia 1 de julho, o episódio número 500 da novela-série “Bem-Vindos a Beirais”. O episódio intitula-se “A Real Bucha de Beirais”.

A produção encerrou gravações há dias e não se sabe se vai retornar aos ecrãs da estação pública. Grande parte do elenco está já a caminho de outras produções, nomeadamente “Coração d’Ouro”, da SIC.

Até ao dia de ontem, “Bem-vindos a Beirais” contava com 121 emissões em 2015, com uma média de 7.0/14.0 (679.600 espectadores).

Sinopse do episódio 500:

Padre Justino e Matias fazem o balanço do trabalho de restauro. Padre Justino quer que Matias o prossiga e permaneça em Beirais. Ele promete pensar no assunto, mas inclina-se a voltar para Coimbra e enfrentar os medos.

Tiago interrompe a conversa de Patrícia e Nazaré. Diz ter tudo pronto para a apresentação do seu novo vinho aos beiralenses. Patrícia entusiasma-se com a ideia.

Olga insiste para que Gabriel se mantenha disponível para receber Ângela. Ele mostra-se contrariado e recorda-a do feitio turbulento da miúda. Olga ignora e diz suspeitar que Ângela não é feliz com a família adotiva.

Na sociedade recreativa, as sócias observam enternecidas a boa relação de Ângela com a família. A mãe adotiva recomenda-lhe juízo nos dois dias que passará com Olga. Ela entra, dirige-se a eles e Ângela sussurra-lhe que tem sofrido muito. Olga desconfia da família adotiva.

No largo da igreja, Vasco ajuda Tiago a ultimar o cenário para a prova do seu novo vinho “Acidental”. Todos bebem e elogiam. Detêm-se constrangidos quando Matias passa. Ele recusa provar e segue o seu caminho.

Em casa, Olga serve o lanche a Ângela que não se inibe de implicar com tudo. Olga sonda Ângela em relação à mãe. Susana vem trazer o casaco esquecido da miúda e discorda de Olga que teima em defender que a criança não é feliz com a nova família.

Mais tarde, na sociedade recreativa, Sócias servem lanche a Olga e Ângela. Esta continua a dar a entender a Olga q família adotiva é negligente. Sócias suspeitam de Ângela q faz partida a Olga e Inês. Olga está convencida q atitude de Ângela é culpa da nova família.

Nazaré vem ter com Patrícia para lhe dar conta do elevado número de beiralenses embriagados. Patrícia mostra-se alarmada e prepara-se para tomar providências urgentes.

Patrícia repreende Guardas. A maioria dos homens está embriagada. Tiago sente-se culpado. Todos se insurgem contra o fim abrupto da promoção. Diogo sugere mantê-la, mas acompanhando com petiscos. Sócias aderem à ideia. Alzira observa atenta.

Alzira entra e conta à filha que vai fazer concorrência a Susana e Marina com “A Real Bucha de Beirais”. Tânia mostra-se contrariada com a ideia de a ajudar a cozinhar e tem uma ideia para se livrar da tarefa.

Olga insiste para que Padre Justino a ajude a ficar com Ângela, garantindo que família adotiva a está a traumatizar. Ele adverte-a contra conclusões precipitadas. Olga sai irritada.

Matias recusa juntar-se à prova de vinho. Marina chega com petiscos. Alzira faz-lhe concorrência, baixando o preço da comida e atrai todos os clientes. Porém, o excesso de picante na comida que vende deixa todos desesperados. Patrícia aproveita para pôr fim à promoção.

O Grupo interrompe, aproxima-se da mesa onde Ângela lancha com Olga e acusa a miúda de ter sabotado a bola de Alzira. Olga começa por defendê-la, mas acaba a desesperar. A família adotiva vem buscar Ângela que garante ter-se portado bem. Olga suspira de alívio por Ângela estar de partida.

Matias conversa com Padre Justino. Conta-lhe que pensou melhor e resolveu ficar em Beirais. Padre Justino mostra-se muito satisfeito com a decisão.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close