"

Canal História assinala 50º aniversário da chegada à Lua

Canal História

Canal História

O Canal História vai assinalar o 50º aniversário da chegada à Lua com a estreia exclusiva três documentários especiais.

‘Especial 50 anos na Lua’ compila a emissão de “Estação Apolo”, um documentário de produção local que conta a história desconhecida de como Espanha participou na chegada à Lua e dois especiais internacionais: “A Alunagem e os Nazis”, e “Alunagem: As Gravações Perdidas”.

O canal História assinala o 50º aniversário da chegada à Lua com a estreia de três documentários exclusivos no dia 20 de julho, pelas 22h15. O “Especial 50 anos na Lua”, faz parte da programação especial do 20º aniversário do canal e revela a incrível história do maior passo dado pela Humanidade e o feito mais audaz da NASA. “Estação Apolo”, documentário de produção local do canal é o primeiro a ser emitido e narra a apaixonante, mas pouco conhecida história de como Espanha participou na chegada à Lua.

Em 1964, a NASA deu luz verde à construção de uma estação espacial em Espanha dedicada às missões lunares. E assim nasceu em Fresnedillas de la Oliva, um pequeno município madrileno que vivia da criação de gado. O documentário conta como o início da corrida espacial virou do avesso a vida tranquila dos moradores desta localidade.

Na chamada “Estação Apolo”, um pequeno grupo de espanhóis, sob o comando de pessoal americano, transformou-se numa elite de testemunhas privilegiadas da chegada à Lua. Estes foram os responsáveis pelas comunicações entre a Terra e a Apolo 11 e também foram os primeiros a ouvir as famosas palavras de Neil Armstrong: “The Eagle has landed” (“A Águia já aterrou”). Os espectadores podem assistir neste especial, ao testemunho de alguns dos técnicos que trabalharam na Estação de Fresnedillas em 20 de julho de 1969, que recordam de como esse dia histórico foi vivenciado. Esta é a sua história desconhecida.

Como segunda estreia o canal apresenta “A Alunagem e os Nazis”, um documentário que descreve em detalhe a importância que teve Wernher von Braun e a sua equipa de mais de 100 técnicos e engenheiros da NASA alemães. Mas a história de sucesso está envolta em mistério. Muitos desses alemães tinham um passado nazi, e faziam parte do desenvolvimento do terrível míssil V2. Cerca de 20 mil trabalhadores forçados perderam a vida durante a produção, sob as condições desumanas em que trabalhavam nas várias fábricas de armas secretas nazis. Numa operação secreta para se apoderarem da tecnologia míssil alemã, em 1945, os americanos levaram esses cientistas para os EUA. Só décadas depois foram divulgados documentos anteriormente secretos que detalhavam o envolvimento dos funcionários alemães da NASA com o III Reich.

E por último, “Alunagem: As Gravações Perdidas”.  No dia 16 de julho de 1969, o mundo parou para ver os três astronautas da Apolo 11 tentarem o impossível: pilotar uma aeronave após uma descolagem explosiva do planeta Terra, aterrar num corpo celestial e regressar a casa. À medida que decorre esta missão de nove dias, as gravações áudio do centro de controlo da missão registam todo o drama que se desenrola. Cada momento revela novos perigos, novas decisões e novas maravilhas… Mas meio século volvido, material novo vem agora a público.

Fotos raras, filmagens armazenadas durante décadas, gravações áudio nunca ouvidas…. Verdadeiras relíquias que nos levam a mergulhar nas mentes dos astronautas e revelam as suas dúvidas e medos mais pessoais no momento em que se preparavam para fazer História.

Por ocasião do 50º aniversário do feito mais audaz da NASA, este documentário revela a extraordinária história verídica do maior salto da Humanidade.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close