Depois de “A Única Mulher”, Sofia Baessa quer continuar na representação


Sofia Baessa é Yolanda em

Sofia Baessa é Yolanda em “A Única Mulher”

A carreira de Sofia Baessa começou há mais de 20 anos, mas a agora atriz estava mais focada na sua faceta de modelo.

A artista estreou-se na representação em “A. Lusitanicus” (a primeira web série de humor sobre a História de Portugal), mas foi na pele de Yolanda em “A Única Mulher” que se tornou reconhecida.

A atriz contou à TV7 Dias que os trabalhos estão a decorrer melhor que o previsto: «As gravações têm corrido muito bem, melhor do que eu esperava. Tudo é novo, tudo é bom, tudo é diferente, é uma aventura».

A trabalhar pela primeira vez em novela – e logo na mais longa de sempre – a profissional não acusa cansaço. «Quando fazemos as coisas por gosto, não nos cansamos. Como é tudo novo, é maravilhoso ao mesmo tempo, é um cansaço que acabamos por gostar».

A sua personagem é tida como uma das mazinhas da trama de Maria João Mira, mas a Yolanda não é bem uma vilã: «Ela é doida, como sempre, mas continua num rumo muito divertido».

Sofia Baessa defende ainda com unhas e dentes a dondoca: «Ela não é bem vilã. Ela faz tudo por um anel com um brilhantezinho, se lhe derem assim uma caixita de jóias de verdade, ela fica contente, não chateia ninguém».

Com o coração preso a Kizua (Gany Ferreira), Yolanda tenta ainda conquistar Jorge (José Wallenstein) por interesse: «Nada disso. Se ele fosse pobre não sei se gostava assim tanto, mas é um amor partilhado com o material. Podemos dizer que sim», confirmou a intérprete.

Enquanto estava a gravar “A Única Mulher”, Sofia Baessa não se queixava do tempo que tinha de passar nos estúdios da Plural em Bucelas.

«A gente arranja sempre um tempinho para nós, entre o coaching, entre o preparar-me com a Rita Alagão, eu não ando aqui armada em chica esperta, eu comecei agora», atirou a atriz.

Depois de “A Única Mulher” a ambição profissional é bem clara. Sem gravar há meses, Sofia Baessa tem delineado continuar na representação.

«Gostava muito de continuar a enriquecer, a ter mais ferramentas, e um dia a vir a ter o estatuto de atriz, que ainda estou a trabalhar para isso», terminou à TV7 Dias.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close