Dias Ferreira: «Não deveria ter voltado» ao “Dia Seguinte”


O Dia Seguinte

Dias Ferreira arrepende-se de ter voltado ao “O Dia Seguinte”

Depois de, numa primeira discussão ter ameaçado abandonar “O Dia Seguinte” da SIC Notícias, Dias Ferreira esperou pela segunda oportunidade para deixar o formato de comentário desportivo, em direto e em conflito com o jornalista Paulo Garcia.

O adepto do sportinguista acusa o moderador do programa de «não ser imparcial» e de ter saído «em defesa do representante da direção do Benfica [Rui Gomes da Silva].

Tudo começou com um pedido do jornalista para Dias Ferreira se sentasse numa outra posição e não estivesse de lado e de olhos fechados. O comentador do Sporting CP não gostou e abandonou o estúdio na hora, em direto e sob uma forte troca de palavras. «Saí do programa, em direto. E não volto. Entendo que um moderador não é um mestre-escola e também já não tenho idade para aluno» confessou ao Correio da Manhã.

Apesar do facto acontecido, Dias Ferreira considera que estes nove anos de SIC Notícias foram excelentes, embora este último tenha sido «péssimo». Em jeito de mea culpa, o comentador confessa ao jornal: «Não devia ter voltado».

«Tenho 65 anos e não estou para aturar tanto achincalho ao Sporting. E como não preciso disto para viver, saí e continuarei com a minha vida», disse ao diário da Cofina que não descarta uma saída para a concorrência embora primeiro tenha de «fazer “luto no comentário desportivo, por respeito à SIC».

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close