ERC avalia e considera que “Gabriela” não viola Lei da Televisão

A novela “Gabriela” cumpre as normas impostas pela ERC e está livre de sanção

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) recebeu pelo menos quatro queixas contra “Gabriela”, a novela da SIC que é líder no seu horário e a segunda mais vista em Portugal.

As queixas foram devidas a «apresentação de imagens e linguagem de teor alegadamente inapropriado para o horário da sua transmissão», como relatou fonte da ERC à Notícias TV desta semana.

Apesar de fundamentadas, as denúncias não vão ter seguimento. O órgão regulador não vai dar sequência às «participações contra a novela “Gabriela”, transmitida pelo serviço de programas SIC, com alerta ao operador para a importância de promover uma vigilância permanente de certos conteúdos do programa, assegurando a sua adequação ao horário de transmissão».

Com as queixas a não seguirem para estados mais elevados no processo, a SIC fica, assim, livre de qualquer multa que poderia advir deste caso.

Apesar de não avançar com qualquer atitude sancionatória, a ERC delibera que a estação terá de manter os cuidados habituais para um produto exibido naquele horário.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close