Especial: Quantos os papéis são trocados na ficção SIC e TVI


Audiências

Após o recente caso em que Diogo Costa Reis foi substituído por Diogo Costa Lagoá em “I Love It”, o Zapping abre o baú e revela outras trocas de atores noutras produções da TVI e da SIC.

“Amanhecer” foi um dos mais polémicos casos no que diz respeito a trocas, Anabela, papel que deu reconhecimento a Fernanda Serrano foi escrito a pensar em Sofia Alves, que à última hora recusou e gerou imensas confusões dentro da estação de Queluz de Baixo.

Anos depois em “Morangos com Açúcar” foi a vez de Mafalda Pinto. Carlota, o papel da atriz que está agora no Brasil, era de Ana Maria Pinto, um jovem desconhecida que terá sido afastada por «falta de talento». Mafalda foi chamada à pressa para a substituir.

“Anjo Selvagem” também foi adaptada para Patrícia Tavares que foi escolhida sem passar pelos castings, mas a produção decidiu dar uma oportunidade a Paula Neves de testar o papel e não houve dúvidas. A atriz de “Mundo ao Contrário” agarrou o papel que a consagrou.

A mesma Patrícia Tavares foi esperada, anos depois, para um papel de destaque em “Podia Acabar o Mundo”, mas decidiu ir para a rival “Olhos Nos Olhos” da TVI.

Ainda em “Podia Acabar o Mundo” houve mais episódios do género: Ninguém acreditava na ficção da SIC. A máquina de produção de Queluz de Baixo estava mais oleada que nunca, no entanto a estação de Carnaxide queria mais. António Pedro Cerdeira esteve durante muito tempo em negociações para viver Rodrigo, papel de Diogo Morgado, que seria o ex-marido de Vera, papel de Joana Seixas que acabou por substituir Patrícia Tavares quando esta foi para a TVI. Mas não é tudo. Eduardo, o vilão de Virgílio Castelo, seria interpretado por Vítor Norte, que se recusou a sair da TVI. Já Maria de Jesus, o papel de Custódia Gallego, foi feito para Marina Mota que recusou por ter acabado à pouco tempo as gravações de “Fascínios”.

A estação de Carnaxide soma vários casos de trocas de última hora. Em “Floribella”, Luciana Abreu só foi escolhida para o papel depois de Margarida Vila-Nova e Joana Solnado o recusarem. Já em “Jura”, Amílcar Azenha gravou várias cenas como Nuno, mas desistiu do projeto que acabou sendo entregue a João Cabral. “Vingança” foi outro caso a dar dores de cabeça, Diogo Morgado não foi a primeira escolha para o dramático Santiago, o ator que gravava “Floribella” e “Aqui não há quem viva” deixou ambos os projetos para substituir Ricardo Pereira que na data se encontrava no Brasil em ascensão de carreira. Hugo Sequeira foi o escolhido para dar continuidade ao papel de Diogo em “Floribella”.

Mas não é tudo, em “Vingança”, Teresa Guilherme assumiu a pele de Carolina no lugar de Carmen Dolores, por achar esta «velha demais para a personagem». Já em “Resistirei”, Diogo Morgado recusou viver o vilão por não querer desgastar a sua imagem, o papel acabou entregue a Rui Luís Brás.

“Laços de Sangue” também demorou a encontrar a sua emblemática Diana, o papel foi oferecido a Cláudia Vieira e Sofia Ribeiro, que recusaram, e acabou por catapultar para o estrelato Joana Santos.

Em “Dancin’Days” a primeira escolha da Globo para o papel de Duarte foi Ricardo Pereira, que não podia concentrar-se no projeto pois estava a gravar um trama no Brasil. Já em “Ambição”,Miguel Bogalho e Pedro Sousa disputaram o papel de Salvador.

Na TVI confirmaram-se recentemente os casos de José Carlos Pereira, que daria vida a Matias de “Anjo Meu”, papel de Pedro Teixeira, e em “Belmonte” a troca entre Diogo Amaral e Pedro Granger, na pele de um dos cinco irmãos.

“Anjo Meu” sofreu ainda outra baixa, Paulo Pires foi chamado a substituir Rogério Samora, que teve uma polémica transferência para a SIC.

O caso mais recente de trocas prendeu-se com Albano Jerónimo. O ator foi dado como certo pela TVI e chegou mesmo a estar apalavrado para “Belmonte”. Porém, à última da hora o protagonista de “Dancin’ Days” recuou e foi substituído por Filipe Duarte na próxima aposta de Queluz.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close