“Espelho D’Água”: Resumo dos próximos episódios

Resumo dos próximos episódios de “Espelho D’Água”:

262º Episódio (29 de janeiro a 4 de fevereiro)

Carmo fica devastada ao confirmar com Filipa que Fernando só está com ela por interesse, depois de Sara o ter deixado sem nada.

Rita esconde da advogada os verdadeiros motivos para fechar a empresa e ela sugere-lhe algumas soluções para não o fazer. No entanto, Rita mostra-se determinada em declarar a falência da Costa Nova. Rafael ouve a conversa e depois de a advogada ir embora, tenta confortar Rita e diz-lhe que deve pensar que o que está a fazer é pelo seu filho.

O ambiente no Tritão do Norte é pesado e Alice pergunta se é normal não receberem depois de terem trabalhado. Danilo acha que tudo se vai resolver e Sergei diz que não será o fim do mundo, dizendo a Pedro que até podem ir pescar para a Rússia. Este diz que se Rita não lhes pagar manda o bacalhau borda fora, colhendo o apoio dos outros pescadores que ficam de novo revoltados. Danilo dá um murro na mesa e impõe a sua autoridade.

Eunice critica as colegas por não terem travado a briga entre Nelo e Bruno. Nelo diz-lhe que ela está em apuros e que vai informar a administração que ela está a trabalhar em desalinho. Eunice dispara que ele só está assim porque apanhou de Bruno e as colegas troçam dele. Nelo fica irritado e obriga-as a irem verificar se embalaram bem o bacalhau num monte grande de caixas que ali estão alinhadas. Eunice e as outras cumprem a ordem do supervisor mas muito contrariadas.

Bruno, ainda furioso, pede a Vítor que arranje uns amigos para darem mais uma sova a Nelo. Vítor acha melhor ele estar quieto porque ainda perde a mulher. Com a conversa, emociona-se e começa a lamuriar-se por Patrícia ter acabado com ele e os olhos enchem-se de lágrimas quando revê as fotos dela.

Fernando recebe dois investidores em casa e depois de se desculpar pela ausência de Joaquim, propõe-lhes sociedade para comprarem um estaleiro. Os homens analisam as condições e ficam a pensar se devem aceitar o negócio.

Carmo vai até à Mercearia e pede a Filipa que lhe conte tudo o que sabe sobre Fernando. Filipa percebe a angústia dela e confessa que Fernando só está com ela por interesse, pois Sara deixou-o sem nada, com uma mão na frente e outra atrás. Carmo chora, devastada ao confirmar as suspeitas que já tinha.

Rita tenta falar com os trabalhadores da Costa Nova para justificar o encerramento da fábrica mas eles estão muito revoltados e não lhe facilitam a vida. Como se não bastasse, Matilde junta-se aos protestos e diz que se endividou, exigindo que Rita arranje uma solução. Rita fica impotente e desesperada, perante a contestação de que é alvo.

Carmo agradece a Filipa por lhe ter contado a verdade sobre Fernando mas não lhe perdoa o facto de se ter aliado a ele para lhe ficar com o negócio da Mercearia e dispara que ela pode ter mudado muito mas que não vale nada. Filipa fica com as lágrimas nos olhos, arrependida do mal que causou a Carmo.

António está cada vez mais angustiado e nervoso. Rafael diz que sabe o que está a passar e ele desabafa que está a perder tudo. Na tentativa de o consolar, Rafael lembra-lhe que ainda tem Rita. António deixa no ar a ameaça de que se acontecer algo de mal ao filho, Sara sofrerá as consequências, deixando transparecer o ódio que tem à mãe.

Sara vangloria-se do seu regresso à fábrica e diz que aquele é o seu lugar. Tiago pretende ter mais do que um cargo administrativo mas a mãe corta-lhe as pernas e diz que agora tem de ir falar com os trabalhadores para os serenar. Tiago quer ir com ela mas Sara decreta que vai sozinha para que todos vejam que ela voltou a mandar. Ao sair do gabinete beija Tiago, que fica muito angustiado.

Eunice reclama com uma colega dizendo que alguém deve ter votado em Nelo mas ela garante que não o fez. Ele vê que estão a conversar e vai implicar com elas. Sara chega naquele instante e anuncia que está de regresso à fábrica. Nelo tenta apresentar-se e cumprimentar a patroa mas ela não lhe liga nenhuma. Eunice acha que ele está com medo do que aí vem com a patroa de regresso mas Nelo dispara que ela é que se deve preocupar porque ele é que é o supervisor.

Rita confessa a António que ficou arrasada depois de ter anunciado o fecho da fábrica aos trabalhadores e ele lembra que ainda tem de dar explicações aos pescadores quando o bacalhoeiro atracar. Rita diz que só quer recuperar o filho e ir embora dali e pede ajuda a António. Ele pergunta-lhe qual o plano que quer pôr em prática para terem o filho de volta.

Luísa mostra-se determinada em regressar aos Açores com Carmo, depois de Rita a ter afastado acusando-a de ter colocado em perigo a vida de Duarte. Kiko critica a mãe e diz que ela foge sempre quando as situações de complicam e ele riposta que só queria mesmo acabar com Sara, embora saiba que se o fizesse só iria piorar a situação.

Fernando aproveita a ausência de Carmo para meter conversa com Joaquim e faz intriga contra Diana, adoptando uma postura de vítima, insinuando que a rapariga o assediou e criticando o facto de o filho andar com uma prostituta. Joaquim mostra-se indiferente e responde que esse á um assunto que devem resolver.

Filipa confessa a Patrícia que está aliviada por ter conversado com Carmo apesar de ela ter sido dura consigo. Daniel interrompe aquela conversa e faz o seu pedido, dizendo que está a comemorar o seu novo emprego. A empatia com Filipa é imediata.

Bruno tem um pesadelo na oficina e acredita que Eunice está a viver um momento tórrido com Nelo. Vítor chega e desperta-o. Bruno sai disparado da oficina, perturbado com o sonho.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
  • Mario Verissimo

    Eu acho que a Rita “Mariana Pacheco”, está a pagar pelo que fez em coração d’ouro, ah ah ah.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close