“Espelho D’Água”: Resumo dos próximos episódios

306º Episódio

Romão entrega a Rita um gravador com que pretende que ela consiga arrancar de Sara a confissão de que precisa para a manter presa mas Rita vacila, duvidando de que consiga que ela assuma os seus crimes e o plano que urdiu para reconquistar a liberdade.

 Rita está muito desanimada com o estado de António que tarda em recuperar. Rafael conta que investigou os médicos que constam da lista que António entregou e desconfia de que eles estão mesmo implicados em subornos e que podem livrar Sara da prisão. Rita diz que têm de descobri a verdade antes que ela seja libertada.

Patrícia desabafa com Vítor sobre a discussão que teve com Filipa e reconhece que o emprego na Mercearia lhe faz falta. Ele acha que ela reagiu a quente e que lhe vai pedir desculpas mas Patrícia conclui que, afinal, Filipa não mudou assim tanto e deixa no ar que a sua imagem de regeneração não corresponde à verdade.

Fernando e Varela tentam reformular o plano que traçaram para tirarem Sara da cadeia e decidem aproveitar a vontade dele de doar um rim a António para facilitarem o seu regresso à liberdade.

Joaquim demove Carmo de continuar a confrontar Fernando com o desfalque nos Chás Goulart. Kiko aparece naquele momento e tem dúvidas de que Joaquim o consiga acompanhar na escalada que tinham combinado fazer. Ele diz que não está velho e insiste em acompanhar Kiko. Este resigna-se e mantém o que tinham planeado.

Rita fala ao telefone com a mãe e conta-lhe que já disse ao inspector Romão que Sara está a preparar um plano para sair da cadeia. Vanda leva-lhe o filho para que possa estar com ele durante uma hora. Rita fica radiante e leva o filho para o quarto. Vanda fica desiludida quando Rafael reafirma a sua vontade de voltar para Lisboa, já que ela não quer ser mais do que uma amiga.

Nelo fica em choque quando Sal lhe mostra com grande satisfação a crónica da Cornélia a dizer mal dele próprio e promete tirar o assunto a limpo. Matilde acha que pela primeira vez o jornal publicou algo de jeito e Sal acha que ele deve é preocupar-se em encontrar Jarvis.

Zé Paulo, Renata e Lucinda comentam a notícia sobre a notícia de que Nelo roubava bacalhau da Faina Norte. Lucinda, espantada, diz que só conheceu uma pessoa esperta suficiente para levar bacalhau para casa.

Nelo fica furioso ao descobrir que quem o caluniou na coluna do jornal foi Bruno e tenta atacá-lo. Vítor protege o patrão quando Nelo o tenta atacar e Bruno estabelece as regras do jogo e decreta que a oficina volta ao seu comando a partir daquele dia. Nelo ainda tenta reagir mas percebe que perdeu o jogo.

Cláudia elogia a mudança de atitude de André e Renata acha que ela ainda gosta dele, embora ela não o queira reconhecer. A cabeleireira diz que está na hora de ir almoçar e Cláudia percebe que ela quer é ir ter com Zé Paulo. Renata brinca e não dá parte fraca.

Lucinda desassossega as trabalhadoras da fábrica e tenta voltá-las contra Eunice dizendo que devem reivindicar tratamentos de beleza a que têm direito por serem donas da Faina Norte. As trabalhadoras confrontam Eunice com aquelas exigências e ela fica perturbada ao perceber que Lucinda já foi fazer campanha para ganhar com a situação.

Sara percebe que Ilda continua a receber tratamento privilegiado na prisão e quando ela recebe da guarda prisional mais dois telemóveis propõe-lhe usar um deles para si. Ilda recusa e avisa-a de que se pode dar muito mal se a confrontar. Sara contém a fúria por não conseguir os seus intentos.

Fernando fica fora de si quando é notificado por um funcionário judicial de que a casa de Sara e o recheio vão ser leiloados. Em desespero, liga a Varela e exige-lhe que faça tudo para travar o processo.

Rita é informada pelo cirurgião que operou António de que as próximas horas vão ser cruciais para ele. Rita fica perdida sem saber se aquela informação é uma boa ou uma má notícia.

Joaquim regressa muito cansado da caminhada que fez com Kiko e deixa-o muito preocupado. Joaquim confessa-se deslumbrado com os locais que visitou e Kiko agradece-lhe a companhia.

Romão entrega a Rita um gravador com que pretende que ela consiga arrancar de Sara a confissão de que precisa para a manter presa mas Rita vacila, duvidando de que consiga que ela assuma os seus crimes e o plano que urdiu para reconquistar a liberdade.

Célia, já refeita do susto que apanhou por causa de quase teve por causa de quase ter naufragado, assume que apesar de tudo quer voltar a navegar. Danilo recorda uma experiência em que também esteve com a vida por um fio.

Lucinda diz a Renata que quer que ela a ponha bonita para receber Danilo e avança com a ideia de arranjarem uns pacotes de beleza para venderem às trabalhadoras da Faina Norte. Renata não fica nada satisfeita com a ideia.

Matilde protesta com Zé Paulo que agora a deixa sempre sozinha a trabalhar no Meia Desfeita por causa do futebol. Horácio acha que o jogo de veteranos vai correr bem.

Depois da chantagem que fizeram com Nelo, Vítor e Bruno obrigam-no a fazer todo o serviço na oficina, sob pena de o denunciarem ao bairro como autor da coluna da Cornélia.

Eunice vai-se abaixo e confessa que está a sentir dificuldades para compreender as contas da fábrica e participar na gestão. O marido dá-lhe carinho e aconselha-a sobre o que deve fazer.

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close