Fim: Quase 20 anos depois, o “Praça da Alegria” vai acabar!


Com a transferência de João Baião para a SIC, a RTP decidiu acabar com o histórico “Praça da Alegria”. O programa despede-se para dar o lugar ao “Verão Total” e já não regressa em setembro.

Um novo formato vai chegar em setembro pelas mãos da Coral Europa, produtora copropriedade de José Eduardo Moniz.

«Com a saída de João Baião para a SIC e porque as manhãs vão passar a ser produzidas pela Coral Europa, a “Praça da Alegria” vai acabar», revela fonte da estação pública ao Diário de Notícias.

Recorde-se que a produtora é também responsável pela nova novela/série de horário nobre que vai coexistir com “Bem-vindos a Beirais”, substituindo o “5 Para a Meia-noite” e pelo “A Tarde é Sua” e “Somos Portugal” da TVI.

Estreado em 1995, o “Praça da Alegria” era emitido em direto do Porto e era apresentado por Manuel Luís Goucha e  Anabela Mota Ribeiro. O talk show liderou anos a fio até à chegada do “SIC 11 Horas” (depois, “SIC 10 Horas”).

Em 2013 o programa deixou o Porto e veio para Lisboa. Tânia Ribas de Oliveira e João Baião tomaram conta das manhãs da RTP1 até agora.

Passaram pela condução do histórico matutino nomes como Sónia Araújo, Jorge Gabriel, Tânia Ribas de Oliveira, Hélder Reis, Ana Viriato, Serenella Andrade, João Baião, entre muitos outros.

Foi no “Praça da Alegria” que Quim e Zé (João Paulo Rodrigues e Pedro Alves) nasceram televisivamente com o “TeleRural”, que entretanto passou a programa de horário nobre. Pelo humor do formato passaram ainda Henrique Viana, Luís Aleluia ou Guilherme Leite, entre outros.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

  • albertina

    Ao mundar do nome do programa não vai aumentar as audiências SE a “caca” continua a ser a mesma! A Praça da Alegria há muito que é uma nódoa nas manhãs televisivas, não tem dinâmica nenhuma nem conteúdos de jeito, as rubricas e entrevistas são todas à pressa, até parece que às vezes correm com os convidados, uma vergonha!

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close