Fuel TV é agora 100% portuguesa


Fuel TV

A Fluid Youth Culture (FYC), empresa de capital 100% português que representa desde 2008 o canal Fuel TV nos mercados europeu, do Médio-Oriente e África,  anunciou a aquisição do canal ao grupo norte-americano Fox.

Fernando Figueiredo, CEO da Fluid Youth Culture (FYC) e CJ Olivares, fundador do canal, juntaram-se para adquirir a totalidade da marca Fuel TV, bem como toda a sua livraria (programas já emitidos) de programação, ao gigante norte-americano 21st Century Fox, detido pela NewsCorp, passando a deter o canal presente em 50 mercados.

«Eu e o CJ Olivares trabalhamos juntos há 8 anos e em conjunto temos uma visão muito semelhante sobre o futuro dos Desportos de Acção. A nossa experiência na criação e curadoria de conteúdos globais dá-nos agora uma oportunidade sem paralelo para, na gestão do novo Fuel TV, ligar pessoas, locais, culturas, eventos e atletas em torno da cultura global dos Desportos de Acção», afirma Fernando Figueiredo.

«O plano passa agora por consolidar as operações existentes a partir de Lisboa juntamente com os recursos provenientes da aquisição total da marca, numa nova empresa, a Fuel TV Global, com sede em Lisboa e escritórios em Los Angeles (EUA), onde se vai retomar a produção de conteúdos e as vendas no mercado americano e Londres (UK), onde se manterá a área de venda a operadores da região EMEA», adianta a empresa em nota de imprensa. As próximas geografias que farão parte da expansão global do Fuel TV incluem a América Latina e a Ásia, estando também planeado o relançamento do canal nos operadores dos EUA, previsto para o início de 2015.

Em relação ao investimento envolvido na compra da marca Fuel TV, o CEO da agora denominada FUEL TV Global não revela valores, mas sublinha a vantagem de ter comprado uma empresa que gerava anualmente 70 milhões de dólares. «Somos uma empresa portuguesa que comprou um canal global e que vai continuar a querer crescer de forma sustentada», afirma Fernando Figueiredo.

O Fuel TV conta com uma equipa de 50 pessoas, sendo que 80% deste está em Portugal. Nos próximos 5 anos o canal espera duplicar a sua distribuição, de modo a chegar a 100 países e a mais de 50 milhões de lares em todo o mundo.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close