História estreia “Templários”, a nova série de produção própria

No próximo dia 12 de maio, às 22h00, o HISTÓRIA estreia em exclusivo TEMPLÁRIOS, a nova série de produção própria que revela a influência do Templo na Península Ibérica e os sucessos que propiciaram à proliferação desta Ordem religiosa militar.

Produzida pelo HISTÓRIA em parceria com Zebra Producciones e Volcán Producciones e dirigida por Israel del Santo, TEMPLÁRIOS relata o processo que tradicionalmente se seguia para conseguir usar o caraterístico manto branco com uma cruz vermelha que os tornou célebres. Mostra como alguém dessa época, desde pequeno, podia tornar-se no mais ilustre dos homens, fanático religioso e numa máquina de matar.

Na série de seis capítulos aparecem célebres templários como Bernardo de Claraval, o eclesiástico mais relevante do século XII cuja influência superava a do Papa de Roma; Afonso Henriques, que se tornaria em Afonso I de Portugal, o primeiro rei do recém-criado Reino; a sua mãe Dona Teresa de Portugal, que chegou a bater-se em combate contra o próprio filho pela coroa portuguesa; Gualdim Pais, o mais importante Mestre da Ordem do Templo em Portugal e considerado o mais célebre templário que houve na Península Ibérica; Hugo de Payns, fundador da Ordem, entre muitos outros.

“Os templários sempre despertaram muito interesse tanto na literatura como no cinema ou televisão mas nunca até agora nos detivemos a explorar as suas origens e implementação na Península Ibérica. Pela mão de reputados novelistas e estudiosos do seu legado, TEMPLÁRIOS revê, do ponto de vista do rigor e do entretenimento, os motivos que os levaram a ser uma das ordens religiosas mais misteriosas da História”. Carolina Godayol, diretora geral do The History Channel Iberia.

Para recriar as grandes batalhas e perseguições que tornaram famosa a Ordem do Templo, a série foi filmada em numerosos locais de Portugal e Espanha como o Convento de Cristo em Tomar, o Mosteiro de Alcobaça, o Castelo de Guimarães, o Castelo de Javier (Navarra), o Mosteiro de Santa María de Huerta (Soria), vários locais de Manzanares el Real (Madrid), San Pedro de la Nave (Zamora), entre outras localizações. No total, foram percorridos mais de 22.000 km por toda a Península Ibérica e que deram lugar a mais de 150 horas de material.

TEMPLÁRIOS contou com a colaboração de reconhecidos historiadores, especialistas e autores históricos portugueses e espanhóis com o objetivo de analisar em profundidade a trajetória da Ordem e os mitos e lendas que mantiveram vivo o nome dos Cavaleiros Templários até aos nossos dias.

Para os capítulos da série em que se mostra a influência e o estabelecimento da Ordem do Templo em Portugal, colaboraram os especialistas e investigadores portugueses Manuel J. Gandra, Álvaro Barbosa, Paulo Alexandre Loução, António Moniz Palme e Adriano Vasco Rodrigues.

Entre os escritores e investigadores espanhóis que colaboraram com a série estão Jesús Sánchez Adalid, Matilde Asensi, Almudena de Arteaga, José Luis Corral, Carlos de Ayala Martínez, Guillermo Cózar, Luis Aragón Martín e Yeyo Balbás.

Nesta tarefa de documentação e assessoria também colaboraram com a série as associações Clan del Cuervo, Signum Phoenix e a Asociación de Recreación Histórica Conca.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close