“Jogo Duplo”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 247 (22 a 28 de outubro)

Rosa assina o contrato de trabalho no café. Teodoro entra, completamente bêbado e pede mais bebida. Alexandre e Ti Chico querem levá-lo para casa, mas Teodoro não quer ir e conta que Clara é a sua perdição.

Rosa leva Teodoro para casa.  Gabriela entra e inspeciona o quarto. Diogo quer comprar uma casa e ter um espaço só deles e Gabriela pergunta se ele levou para lá alguém. Diogo fica atrapalhado e Gabriela desvia o assunto.

Gabriela quer ir tomar um banho com Diogo.  Marta entra na Fénix e diz que Maria João vai ter alta e que vai continuar a gerir a empresa. Laura e Renato dizem estar fartos e despedem-se. Marta tenta demovê-los, e pergunta se mais alguém se quer demitir. Tiago observa os técnicos a instalar câmaras de vigilância no exterior da casa de Maria João.

Manuel observa pela janela as movimentações no exterior e manda mensagem a Susana a contar que estão a instalar câmaras de vigilância no exterior da casa.  Maria João chega do hospital e diz que preferia ir para sua casa. Está furiosa com Manuel e Maria João diz que com Afonso não seria diferente.

Diana e Margarida defendem o pai, deixando Maria João pensativa.  Tiago mostra a João onde estão instaladas as câmaras de vigilância na casa de Manuel. Tiago acha impossível João entrar sem ser visto e João diz-lhe que acha que Manuel quer um confronto à vista de todos.

Tiago quer arranjar uma maneira de desligar o sistema e pede a João para não fazer nada.  Steven está a trabalhar, quando entra Botija e o acusa de ter estado a espiar para a PJ. Botija ameaça Steven e Teresa e sai. Rosa e Ti Chico levam Teodoro a casa. Teodoro diz que estragou tudo e que a única coisa que lhe vale, são os filhos. Rosa tanta anima-lo e diz-lhe que ele é um homem bom.

Maria João diz que está arrependida do casamento com Manuel e as filhas dizem que a avisaram. Maria João acha que João tem uma grande admiração por Manuel e Margarida diz que João tem um bom coração, ao contrário de Manuel.

Manuel está pensativo e relembra a conversa que teve com João quando se despediu dele em Macau. Clara conta a Amália que teve de encostar Teodoro à parede. Alexandre entra, furioso e acusa Clara de ser a culpada do pai estar bêbado e diz-lhe que eles são um casal destrutivo.

Clara diz que vai falar com ele e Alexandre aconselha-a a ter cuidado com o que diz, pois o pai mudou muito.  Marta recebe um telefonema e fica a saber que os barcos sonda saíram da área de concessão e houve um derrame de um dos barcos. Marta fica em pânico. Óscar e Miguel contam como correu a operação ao campo de tiro ilegal. Miguel diz que falta falar com Botija.

Vítor diz que têm outro assunto para tratar: encontrar Susana e Cátia. Joaquim diz que não há pistas. Marta liga a Maria João e conta o que se passou com o navio sonda e esta pede-lhe para falar com o advogado.

Rodrigo mostra a Helena a notícia da apreensão do barco da Fénix, no blog de Sara e diz que não vão poder ignorá-la. Manuel vê a notícia no blog de Sara e fica irritado e envia uma mensagem a Susana. Susana recebe a mensagem de Manuel e diz a Cátia que ele quer saber quem está por detrás da sabotagem.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close