“Mar Salgado”: Resumo de 13 a 19 de julho

Anterior1 de 7Seguinte

A SIC já disponibilizou o resumo da novela “Mar Salgado” da semana de 13 a 19 de julho.

293º Episódio 

Destaque: André vai ter com Beatriz ao local onde tinham combinado fazer escalada e prepara-se para terminar o noivado com ela. No entanto, a conversa acaba por não acontecer porque Beatriz prepara mal a descida e acaba por cair desamparada pela ravina abaixo, perante o olhar desesperado e impotente de André.

André confessa a Leonor que não teve coragem de pedir Beatriz em casamento, porque é com ela que quer ficar. Leonor tem dificuldade em afastá-lo mas reafirma o seu desejo de preservar a filha, em detrimento do amor da sua vida. André fica penalizado mas aceita ir embora quando Leonor lhe pede que o faça por não querer que Carlota o veja ali. Depois de André partir, Leonor fica devastada.

Beatriz desabafa com Catarina, inconformada com o facto de André não a ter pedido em casamento, tal como ela esperava. A amiga faz-lhe ver que não foi uma boa ideia ter-lhe mexido nos bolsos e ter encontrado o anel que julgou que ele lhe iria dar. Beatriz começa a pensar que talvez tenha pressionado André em demasia para casarem.

Em casa de Nuno comenta-se o alegado ataque de Daniel a Elsa, mas ninguém consegue tirar partido. Entretanto, Bento junta-se a Tiago, Nuno e Joni trazendo consigo um transístor onde toca a música gravada por Rogério. Bento diz logo que o carteiro copiou a sua música que fez para o concurso de talentos onde desmascarou Adelaide. O peixeiro vê que pode ter uma oportunidade de ganhar dinheiro para comprar um anel para dar a Cremilde. Joni pergunta-lhe se não conseguiu convencer Rute a ajudá-lo e ele conta, desapontado, que ela lhe pediu dinheiro em troca. Tiago comenta que até Hugo acha que a irmã é a pessoas mais interesseira que conhece.

Rute farta-se de estar a ver televisão com os irmãos e diz que se vai deitar porque há velórios mais animados. Como Sílvia e Daniel não lhe dão grande conversa, critica a irmã por não conseguir sequer terminar o estágio e Daniel por andar nas bocas do mundo, acusado de ter querido beijar Elsa. Eles não gostam do que ouvem e Sílvia chama-lhe insensível. Pouco depois, confessa ao irmão que voltou a acabar tudo com Diogo e que está arrependida. O irmão deixa claro que não quer que eles se prejudiquem para o defender e lembra-lhe que há mais hotéis onde pode trabalhar. Sílvia mostra-se derrotada e com a sua auto-estima em baixo, balbucia que ninguém dará trabalho a uma tonta que não terminou o estágio.

Mateus encontra o filho bebé na Lataria e censura Vitória por o ter levado consigo, reivindicando o direito de também tomar conta de João Henrique. Vitória recorda-lhe que durante as 6 primeiras semanas o bebé tem de estar com a mãe e sugere-lhe, já que está com tempo, que vá arranjar o dinheiro que lhe deve. Mateus fica furioso e garante que lhe vai provar que sabe fazer dinheiro.

Eva conta a Laurinda que falou com o namorado e que ele aceitou jantar lá em casa nessa noite. Henrique aparece para tomar o pequeno-almoço mas arrepende-se ao ver que a mulher ali está e diz que vai comparar o jornal. Eva fica chocada e instiga a mãe a fazer qualquer coisa para acabar com a briga entre eles. Laurinda mostra-se resignada e dá a entender que a separação é irreversível.

Catarina sonda Nuno para tentar perceber se André lhe fez alguma confidencia sobre Beatriz mas o amigo de nada sabe, concordando com ela quando diz que acha que eles se precipitaram ao decidirem casar. Entretanto, Catarina telefona a Beatriz para saber como é que ela está, já que na noite anterior bebeu um pouco demais. Beatriz afirma que está bem e que vai escalar com André, como estava previsto, aguardando que ele a surpreenda. Se o não fizer, Beatriz garante que vai ter uma conversa séria com ele.

Mateus faz chantagem com Amélia, pedindo-lhe 100 mil euros para guardar segredo de que foi ela quem matou o pai e não Antónia. Amélia fica estupefacta e sem pinga de sangue ao ouvir Mateus dizer que, antes de lhe arranjar o telemóvel, copiou a menagem quem que ela confessava o crime. André aparece entretanto e ao perceber o que se está a passar, agride Mateus com um murro, deixando-o a sangrar. Ele ameaça ir contar tudo à polícia e vai embora. André não acredita que Mateus denuncie Amélia mas esta teme que ele tente vender a história aos jornais, mostrando-se aliviada se for presa.

Elsa recusa ir com Júlia para o centro de mergulho mas Pedro acaba por fazê-la mudar de ideias, argumentando que Carlota e Kika vão também lá vão estar e que ela pode ajudá-los a preparar os barcos para a aula de vela.

Na rua, Hugo não cala a indignação ao ver que pintaram o exterior da sua casa com insultos a Daniel. Rute recusa-se a entrar em casa enquanto ela estiver assim e Daniel garante que vai resolver o problema pintando a parede. Nesse instante, Elsa, Júlia e Pedro passam por ali e Hugo tira satisfações, chamando mentirosa a Elsa e tapada a Júlia, por acreditar em tudo o que a filha lhe diz. Elsa, muito comprometida, acelera o passo para evitar conversas. Daniel tenta falar com Júlia mas ela recusa.

Sílvia procura Diogo e pede-lhe desculpa por ter sido injusta com ele, mostrando-se arrependida por ter acabado o namoro. Diogo não cede desta vez e afirma que perdeu a vontade de estar com ela, recusando voltar a namorar. Sílvia fica arrasada.

Cremilde estranha que Bento não a tenha ido cumprimentar quando ela chegou ao mercado e Tina explica à mãe que o peixeiro tem de se manter afastado dela por ter perdido ao poker com Adelaide. Cremilde fica indignada por Bento a ter envolvido num jogo. Adelaide aparece entretanto e Joni queixa-se da sorte que ela teve na mesa de jogo. Tina desfaz o mistério e revela que a avó era campeã de poker em Odemira e todos reclamam uma oportunidade de recuperarem o dinheiro que ela lhes ganhou. Sem temor, Adelaide aceita o desafio. Nesse instante, ouve-se Aurora a trautear a canção da beata e Adelaide vai enfrentá-la. Bento agarra no telemóvel e reproduz a música que todos cantam. Cremilde regressa do café e acaba com o conflito, já que a sogra ameaça agredir Aurora.

Nuno oferece a Júlia a sua casa para se afastar por uns tempos de Daniel e dos irmãos mas ela prefere continuar na sua casa com Elsa.

Nuno vai ao Hotel Salinas e encontra André que lhe conta que decidiu ter uma conversa com Beatriz e acabar o noivado, pois não consegue casar com uma mulher amando outra.

Depois de muito insistir, Camila convence Sebastião a ser tema de um documentário que ela tem de fazer na cadeira de cinema, na faculdade.

Martim fica chocado quando Amélia lhe conta que Mateus a chantageou, ameaçando divulgar que ela matou o pai se não lhe pagar 100 mil euros. Apesar de Amélia insistir em que o melhor é entregar-se, Martim insiste que não o pode nem deve fazer, para não afectar Carlota, que nunca iria aceitar o facto de eles terem permitido que a avó pagasse por um crime que não cometeu.

Patrícia dá a entrevista que tinha combinado e não resiste à tentação de dizer mal de Gonçalo, ignorando que o jornalista foi contratado pelo ex-marido para a levar a cometer esse erro.

Gonçalo cruza-se com Leonor no centro de mergulho onde foi levar Kika e depois de comentar com ela a irresponsabilidade de Carlota que se deixou enganar por Rafael, sugere-lhe pedir ajuda a um contacto que tem na Polícia Judiciária para encontrarem o filho que tanto procuram.

Beatriz prepara-se para descer em rappel, depois de ter escalado uma ravina. Prepara as cordas mas distrai-se e acaba por cair, perante o olhar desesperado de André que a vê estatelar-se em cima de uma pedra. 

Anterior1 de 7Seguinte
Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close