Marcelo Rebelo de Sousa define saída da televisão

Marcelo Rebelo de Sousa define saída da televisão


Atualmente, Marcelo Rebelo de Sousa pode ser visto, aos domingos à noite, no “Jornal das 8”, da TVI, onde tem um espaço de comentário político, conquistando milhares de telespectadores.

No entanto, o professor confessa que não vai ficar «eternamente» na televisão. Em entrevista ao programa “Alta Definição”, da SIC, o próprio estabelece um prazo para sair dos ecrãs: «em qualquer circunstância [ficará no ar] um aninho, um ano e meio… menos de dois anos», afirma, justificando que «Tudo tem um tempo».

Há vinte e cinco anos na comunicação social, Marcelo Rebelo de Sousa tornou-se comentador de Queluz de Baixo em 2000, no “Jornal Nacional”, ao domingo, onde permaneceu até 2004. A contestação do governo de Santana Lopes fê-lo sair da estação e, entre 2005 e 2010, fez “As Escolhas de Marcelo Rebelo de Sousa”, na RTP1. Terminado o contrato, regressa à TVI, em 2010, onde permanece.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close