“Masterchef”: Saiba quem são os 15 concorrentes [fotos]


Estreou há momentos o “Masterchef” Portugal. No primeiro programa ficaram conhecidos os 15 concorrentes.

De entre largas dezenas concentradas no Terreiro do Paço em Lisboa, apenas 50 receberam a colher Masterchef. Destes, apenas 30 passaram à prova seguinte e destes pré-concorrentes, 15 chegaram à fase final do formato.

Conheça os 15 concorrentes do “Masterchef”:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Filipe Santos
Um jovem cheio de vontade de vencer, um real lutador. Vive com a mãe e o avô é o seu modelo paternal. Já teve muitas profissões e nos tempos livres ajuda o avô na horta, na pesca e na apanha da amêijoa. O seu maior sonho é ter um restaurante. Já passou por muitas dificuldades na vida mas nunca deixei de acreditar no seu sonho.

Paulo Botelho
Aos 8 anos foi viver para Faro e foi educado pela avó, que lhe transmitiu todos os valores que cultiva. A cozinha é uma linguagem experiencial que envolve todos os sentidos. É um local sagrado. É divertido, brincalhão e muito bem-disposto! A cozinha é a sua paixão e quer provar às tias que pode ser um grande cozinheiro. Quer abrir um negócio de cozinhar e decorar ao domicilio. O seu maior sonho é publicar um livro com as receitas da avó, que são de tal forma completas que até explicam como o empratamento deve ser feito.

Vera Carvalho
O seu maior sonho é ser escritora de culinária, já tem um blogue onde publica alguns artigos sobre o tema, quer ser uma Anthony Boudain portuguesa. Considera o ato de cozinhar uma grande responsabilidade, por isso gosta de cozinhar com ingredientes saudáveis e opta por ser vegetariana. A sua mensagem enquanto cozinheira e chefe é de sustentabilidade e de comida saudável sem que se perca a identidade cultural. Quer inspirar as pessoas a seguirem uma vida saudável e responsável através da comida.

Rosa Maria Carvalho
Nasceu em Angola, mas vive em Portugal desde os 10 anos. Gosta de desafios e acredita que nunca é tarde para aprender, por isso voltou a estudar e acabou a sua licenciatura aos 47 anos. Aos 7 anos descobre a cozinha e desde essa altura que não consegue largar os tachos. Iniciou um grupo de teatro e o seu maior sonho é ter um restaurante familiar. Tem muito orgulho nos seus três filhos. O seu lema é: «O sonho comanda a vida».

Ana Rita Costa
A cozinha é a sua zona de conforto, o local onde dá asas à imaginação. Aprendeu a cozinhar com a mãe, que lhe deixou um livro de cozinha antes de morrer de onde tira muitas das receitas que faz. Considera-se uma pessoa competitiva, luta pelo que quer e acredita que ainda tem um longo caminho a percorrer. Acredita que se se focar nos seus objetivos e acreditar nas suas capacidades poderá alcançar coisas impensáveis. Irrita-se muito quando as coisas não lhe correm bem mas dá sempre o seu máximo e paixão, só assim é que pode evoluir na área que tanto gosta, a culinária.

Pedro Peixoto
Começou a cozinhar porque odiava lavar a loiça quando vivia em Londres. Aplica na cozinha a sua sensibilidade artística. Adora viajar e aproveita sempre para conhecer a cultura gastronómica que depois aplica na criação de novos pratos. O seu tipo de comida favorita é italiana e indiana. Faz parte da organização de um festival de música, desporto, arte e gastronomia! É na cozinha que se sente realizado e totalmente preenchido.

Rita Eloi Neto
Apesar de ser arquiteta de profissão, de momento não está a exercer e o que queria mesmo era editar um livro de culinária e ser Chef de renome. Bem-disposta, descontraída e de lágrima fácil diz, em tom de brincadeira, que se apaixonou pela cozinha no dia em que aprendeu a comer. Para ela, a cozinha é um local de culto onde a criatividade não tem limites e, põe à prova todos os sentidos.

Sónia Pontes
Já viveu no Brasil, em Moçambique e América. Nas suas viagens o seu objetivo é ir aos mercados, comer e conhecer a gastronomia, é uma aventureira nata. É Gestora de uma empresa de eventos mas o que gostava mesmo era de ter um restaurante. Tem dois filhos e adora culinária, o seu sonho é criar um bolo conhecido. Já cozinhou Ensopado de Borrego para o falecido ex-Presidente da República Marechal Costa Gomes, que era amigo do sogro. Tem uma estátua da liberdade ao pescoço para se lembrar dos seus objetivos. É uma lutadora que nunca baixa os braços perante as adversidades. No dia-a-dia não gosta de comer fora porque acredita que come melhor em casa.

Margarida Conduto
Vive com o marido, 4 gatos e um cão. O filho é o seu maior crítico e a filha, que estuda Gestão Hoteleira em Birmingham, está a estagiar no Hilton e já lhe roubou a vez dos doces na cozinha. Cozinhar é claramente um ato de amor. Enquanto Chefe de Enfermaria está habituada a liderar pessoas e trabalha bem sob pressão. É a mais ponderada do grupo e consegue manter a calma nos momentos mais complicados.

Daniel Cardoso
Viveu e estudou na Alemanha. É casado e tem uma filha de 7 anos de um antigo relacionamento. A mãe é cozinheira e foi com ela que deu os primeiros passos na cozinha. Já pesou 120kg e agora tem 90kg. Tem muito cuidado com a alimentação e gostava de ser capaz de influenciar os jovens a terem uma alimentação saudável. Cozinha em casas particulares através do seu projeto «Le Moustache – Eat like a Sir». A cozinha para ele é uma forma de se sentir perto dos familiares e amigos.

João Lobo Duarte
Faz questão que o tratem por Lobão. Nasceu em Lisboa e vive com a namorada com quem irá casar ainda este ano. É DJ nos tempos livres desde 2004. Aprendeu a cozinhar com a avó e com as criadas internas dos seus pais. A sua cozinha é feita de cheiros e texturas. Os pratos que mais gosta de fazer são: Caril de camarão, Paella e Farófias. Acredita que este é o momento para mudar de vida porque, cada vez mais, sente que está mais vocacionado para a cozinha do que para a sua profissão.

Cristina Andrez
Gosta que a tratem por «Tita». Licenciada em Marketing e Publicidade, já trabalhou em Marketing e Eventos. Concorreu ao MasterChef para realizar o sonho de ser Chef de renome. É extremamente competitiva e considera o formato do programa ideal para si. Aos 6 anos fez o seu primeiro ovo estrelado e orgulha-se de ter inventado um prato: cogumelos Portobelo em cama de grelos salteados com recheio de alheira de caça.

Teresa Loureiro
A «Té». É casada e tem duas filhas gémeas com 6 anos. Desde pequena que tem ideias muito diferentes. Já quis ser estilista, foi professora de Educação Visual e Tecnológica e, depois do ensino optou pela Medicina Dentária. Adora cozinha francesa e prefere a qualidade à quantidade.

Leonor Godinho
Organizada, metódica e objetiva. Gosta de arriscar com todos os tipos de comida. Irrita-se quando alguém critica os seus pratos. Como normalmente consegue o que quer é bastante competitiva. Quer fazer da cozinha a sua vida e entrou no MasterChef para ganhar.

Luís Hernâni Portugal
Considera-se uma «ave rara» e acha que pode ser uma revelação na cozinha. Acredita que a cozinha se faz com os nossos produtos, das nossas origens. Compara a participação no MasterChef ao seu casamento, porque em ambos os casos foi apanhado de surpresa mas aceitou os desafios. A sua paixão pela culinária surgiu em pequeno, fugia do liceu para ir a casa cozinhar o almoço. Sonha ver uma prova do MasterChef em Trás-os-Montes.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close