Nasce a primeira polémica no novo “Quem Quer Ser Milionário”


rtp

Já houve um erro neste “Quem Quer Ser Milionário”, versão 2013

Não demorou uma semana para nascer a primeira polémica relacionada com uma questão no novo “Quem Quer Ser Milionário”.

Na edição da passada quinta-feira, estávamos na sétima pergunta, que daria acesso a 1200 euros e foi formulada pelo computador uma pergunta típica deste formato relacionada com um provérbio popular.

O adágio apareceu incompleto e cabia à concorrente completá-lo de forma correta. O problema é que nenhuma das opções correspondia à resposta certa.

A resposta a «Complete o provérbio: Dezembro frio, calor no…» seria ‘Estio’, só que este vocábulo não constava do cardápio de opções. Em vez disso apareceu ‘Estilo’, que foi dada como resposta válida, desclassificando a concorrente.

Após se saber que a resposta estava errada, Manuela Moura Guedes explicou o significado de ‘«Complete o provérbio: Dezembro frio, calor no estilo’, um adágio popular não existente. Nas palavras da apresentadora tudo tem a ver com a indumentária que se veste no inverno e que deve ter estilo.

Este não é o primeiro erro do género no “Quem Quer Ser Milionário” português, mas é a estreia de Manuela Moura Guedes nestas lides. O mais famoso e que mais polémica causou em Portugal foi na primeira edição, a que teve mais sucesso e prendia mais de 1 milhão de espectadores à volta do ecrã.

Carlos Cruz formulou, na altura, uma pergunta de geografia relacionada com o número de países que fazem fronteira com a China. Também neste caso o concorrente foi eliminado de forma irregular.


Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

  • Ricardo Filipe Serafim

    O melhor disto tudo, é a explicação da Manuela (produção) lindo!

  • defunto

    é apenas uma gralha! se a palavra correta é estio está lá estilo o dedo de quem escreve aquilo clicou numa tecla a mais! tanto escandalo! ela errou na mesma!

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close