“Onde Está Elisa?”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 55 (14 a 20 de janeiro)

Inácio sai do prédio e caminha para o carro, Carlos está no seu carro e segue-o. Sebastião confronta a mãe com as declarações que fez à polícia e Alexandra mostra-lhe a camisa rasgada e as nódoas negras nos braços. Sebastião fica arrependido com a intempestividade.

Telemóvel de Constança toca, Bruno repara que é Zé Pedro e atende. Constança pede o seu telemóvel e Zé Pedro informa Constança que Rui foi levado pela PJ. Constança pergunta a Bruno se ele tem alguma coisa a ver com o sucedido e Bruno nega, dizendo que as acusações dela, só lhe dão motivos para sair de casa. Olívia leva Sebastião à escola, entretanto chegam Matilde e Gonçalo e Gonçalo é irónico com a tia relativamente à sua orientação sexual.

Matilde diz apoiá-la. Carlos segue, a uma distância segura, o carro de Inácio. Bruno chega ao atelier e quer reunir com Alexandra e Inácio. Pede a Joana que ligue a Inácio, uma vez que ele ainda não chegou.

O telemóvel de Inácio toca e ele rejeita a chamada. Bruno lê notícia da detenção de Rui. Joana diz que já ligou para Inácio mas ele não atende. O Procurador está arrependido, acha que se precipitou. Tiago diz-lhe que a bola agora está do lado do juiz.

Inácio põe pedras dentro de um saco e atira-o ao rio, ficando apavorado por Carlos o tentar impedir. Olívia chega à Fundação e Rosário informa-a que Rui foi preso. Olívia fica em choque e liga de imediato a Constança. Inácio garante a Carlos que o que estava no saco eram roupas suas rasgadas do dia anterior e Carlos diz que vai ter que mandar mergulhadores para saber se o que ele diz é verdade. Entretanto vêm Yuri morto a boiar no rio.

Raquel interroga Inácio sobre a alegada violação, mas o arquiteto nega tudo. Carlos diz a Júlio e Tiago que seguiu Inácio porque o Comissário Gomes lhe ligou. Júlio está furioso, por Carlos se meter sempre em tudo mesmo estando suspenso e ainda por acaso foi descobrir Yuri morto.

Júlio e Carlos trocam insinuações por terem estado os dois no bar de strip. Raquel termina o interrogatório a Inácio. Júlio e Carlos continuam a discutir e Tiago diz a Júlio para seguir com a investigação. Tiago pergunta se foi uma coincidência Carlos ter ido ao bar de strip, horas antes de Yuri ser morto.

Constança e Olívia estão desconcertadas com a detenção de Rui e Constança oferece uma ganza à irmã. Bruno estranha Inácio ainda não ter atendido o telefone e Alexandra acaba por dizer que na noite anterior Inácio tentou violar Olívia. Joana e Bruno ficam pasmados. Constança e Olívia fumam uma ganza e Olívia confessa que Inácio a tentou violar.

Francisca ouve as declarações do procurador na televisão e liga a Carlos para saber se ele já sabia que Rui foi preso. Francisca quer saber a opinião de Carlos, mas este diz que já não faz parte da investigação.

Constança e Olívia estão um pouco pedradas e adormecidas no sofá e Bruno chega com os filhos. Estão a falar da detenção de Rui e Constança diz que têm que estar todos unidos.

Alexandra quer saber onde está Olívia, entretanto chega Sebastião e fica preocupado com a mãe. Constança e Bruno discutem sobre o facto de Inácio ter tentado ou não violar Olívia. Entretanto o telefone toca e Zé Pedro a informa que Rui continua detido. Elena conversa com Faustino. Chegam Zé Lenka e Furio a oferecer apoio, agora que Yuri morreu.

Entretanto chega Carlos que mede forças com Zé Lenka. Constança e Francisca conversam, quando chega Zé Pedro com Rui, Raquel e Cosme. É colocada uma pulseira eletrónica em Rui.

Ze Lenka, Furio e Carlos enfrentam-se com o olhar, depois de trocarem algumas palavras sarcásticas, Zé Lenka apresenta-se como amigo de Yuri e que veio por estar de luto pelo amigo.

Carlos quer ver as coisas de Yuri e pergunta a Elena se não eram sócios e a stripper diz-lhe que não tinham nenhum papel. Inácio acompanha Alexandra até à porta quando Olívia entra um pouco “pedrada”. Todos estranham o estado de Olívia que assume que fumou uma ganza, Sebastião assiste a tudo e vai trabalhar.

Carlos e Elena estudam os papéis de Yuri. Olívia já se sente melhor. Alexandra e Olívia preparam-se para sair e vão de mãos dadas. Elena encontra uma carta dirigida a ela, em que Yuri lhe deixa o Bar de Strip.

Nessa mesma carta está também uma mensagem para Carlos, que diz que foi Zé Lenka e Furio que mataram a sua família, a mando de um PJ corrupto.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close