“Onde Está Elisa?”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 3 (17 a 23 de setembro)

Francisca conta a Rui que viu imagens da filha e que ela está tão diferente, com ar assustado, de quem foi raptada e Rui diz que esse animal vai pagar pelo que está a fazer,

Constança diz a Olívia que, mesmo que Rui não queira, a fundação tem de fazer um comunicado sobre o desaparecimento de Elisa. Rui aparece à procura de Zé Pedro. Este chega e Rui pede- lhe que vá com ele, deixando Constança e Olívia intrigadas.

Francisca entra no facebook da filha e vê um comentário de um utilizador anónimo a dizer que se Elisa morrer a culpa é dela.

Rui diz a Zé Pedro que pediram um resgate e precisa de dois milhões para essa noite. Zé Pedro quer saber o que a polícia achou, mas Rui diz que não informou ninguém, pois não pode arriscar a vida da filha.

À porta dos Menezes, Carlos fala ao telemóvel com Raquel.

Raquel diz que Rui só falou com Zé Pedro e que os raptores não voltaram a ligar.

Francisca mostra a Carlos o comentário no facebook de um tal John Revenge. Carlos pergunta se ela sabe onde está o marido e Francisca diz que ele foi à Fundação e que, perante os últimos acontecimentos, só pode concluir que a filha foi

Constança diz a Olívia que Rui e Zé Pedro estão a esconder

Rui pede a Joana, Constança e Olívia que o deixem sozinho com Zé Pedro, que diz a Rui que conseguiu o dinheiro, mas foi preciso fazer muita ginástica. Zé Pedro oferece-se para ir com Rui fazer a entrega, mas Rui diz que tem de fazer

Inácio ajuda Alexandra a instalar-se no atelier e Bruno, a sós com ela, pergunta se não haverá stress com Olívia, ao que Alexandra responde que não, dizendo que são todos amigos.

Carlos diz a Raquel que o comentário no facebook de Elisa foi postado da casa de Constança, a tia da rapariga.

Manuel está com dilemas em relação ao seu filme e Ana pergunta-lhe quem será mais fácil de entrevistar: Rui ou a

mulher. Manuel diz que Francisca deve ser mais fácil e Ana diz a Manuel que aquela história dava um filme. Manuel começa a escrever o título do filme: Desaparecida!

Ana aparece em casa dos Menezes para falar com Francisca, mas Sofia não a deixa entrar. Ana garante que quer ajudar, Francisca ouve e diz que lhe dá uns minutos.

Matilde continua a ver televisão e Gonçalo pergunta se há novidades, mas Matilde nega. Bruno chega a casa quando aparecem novas informações na televisão.

O jornalista diz que nem a família Menezes nem a polícia prestam declarações sobre o caso.

Bruno manda a filha desligar a televisão.

Ana tenta chegar a um acordo com Francisca para evitar os sensacionalismos de muita imprensa, mas Francisca diz-lhe que é tudo muito recente e precisa de pensar.

Sebastião está a ver o comentário de John Revenge no facebook de Elisa, quando chegam Alexandra, Olívia e Inácio. Alexandra mostra-se muito à vontade, o que causa estranheza em Sebastião.

Carlos encontra Francisca na praia, que lhe diz que não aguentava estar fechada em casa, e Carlos afirma que lhe quer devolver Elisa sã e salva, oferecendo-se para a levar a casa.

Carlos deixa Francisca à porta de casa e, num impulso, toca-lhe no braço, prometendo trazer-lhe a filha.

Raquel e Júlio dizem a Constança e Bruno que a mensagem no facebook de Elisa foi escrita no computador ali de casa e Constança pergunta aos filhos qual deles fez aquilo, mas eles negam ter feito qualquer coisa. A polícia apreende o computador e dizem a Matilde e Gonçalo para pensar em que pode ter livre acesso à casa.

Carlos diz a Júlio para dar seguimento ao caso do computador, que ele e Raquel cuidam do encontro de Rui com o raptor.

Sebastião discute com Inácio por ele trazer outra mulher para casa e sai disparado. Inácio vai atrás do filho, deixando Alexandra e Olívia sozinhas. Alexandra diz a Olívia que, por ela, ninguém vai ficar a saber porque voltou para Portugal.

Bruno e Constança discutem porque nenhum dos dois tem tempo para os filhos e Constança diz ao marido que vai sair.

Carlos e Raquel vigiam Rui à distância, que chegou ao porto de Lisboa e se dirige para a zona dos contentores.

Francisca janta com Carolina e Patrícia e garante-lhes que a irmã vai voltar. Francisca recebe um telefonema de Constança.

Constança diz à cunhada que a mensagem foi postada através do computador de casa dela, mas garante que não foi nem Gonçalo nem Matilde, afirmando ter sido alguém que teve acesso à net indevidamente. Quando a chamada é desligada, Constança faz uma chamada para alguém a dizer a essa pessoa que quer estar com ela.

Rui avança para um contentor, sem perceber que é seguido por Carlos e Raquel.

Rui entra num contentor com uma lanterna e fica horrorizado com algo que vê.

Constança entra em casa de Zé Pedro e dirige-se para o quarto.

Constança entra no quarto e fica surpreendida ao ver velas acesas, caindo nos braços de Zé Pedro, a quem se entrega.

Rui precipita-se para um vulto, achando ser Elisa, mas Carlos e Raquel entram. Rui percebe que não é Elisa. Carlos quer tirá-lo dali.

Rui acusa Carlos de ser o culpado se alguma coisa acontecer à filha.

Constança está na cama com Zé Pedro e quer saber o que é tanto ele e Rui falaram, mas Zé Pedro não quer falar de trabalho.

Carlos diz a Rui que aquilo foi uma armadilha, pois o vulto era de

um manequim. Carlos diz que se trata de algo pessoal e alerta-o que o sequestrador vai voltar a ligar, mas que é importante que coopere com a polícia.

Constança recebe uma chamada de Bruno, que não atende, mas que a leva a ir-se embora.

Rui recebe uma chamada de Zé Pedro, que desliga. Carlos e Raquel tentam, em conjunto com Rui, descobrir quem possa querer vingar-se dele.

Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close