Conheça todas as personagens de “Espelho D’Água” da SIC [Fotos]

Anterior1 de 6Seguinte


Espelho D'Água SIC

“Espelho D’Água”, SIC

O elenco de “Espelho D’Água” foi hoje apresentado em Ílhavo. A nova novela da SIC estreia em maio e vai substituir “Rainha das Flores”.

Conheça as personagens de “Espelho D’Água”:

RITA FARIA (Mariana Pacheco)

Rita cresceu sem família. Quando tinha quatro anos, o pai, Álvaro Faria, que era um dos dois donos da Faina Norte, foi assassinado. O seu grande amigo e sócio, Nuno Vidigal, foi considerado culpado. Profundamente perturbada, a sua mãe, Luísa Faria, fugiu com o irmão bebé, “Kiko”.

Rita foi entregue ao Abrigo de Nossa Senhora do Amparo, onde cresceu e aproximou-se muito da Irmã Madalena, a freira que dirige a instituição, e de outra interna como ela, Patrícia Lima.

Quando atingiu a maioridade, alistou-se na Marinha. Embora não tenha abraçado essa carreira por sua iniciativa, ali encontrou formação e um rumo. Achava que tinha encontrado o seu lugar e um futuro, mas de repente tudo muda quando recebe os dados acerca da sua família e decide ir à procura da mãe e do irmão, ainda que não tenha quase nenhuma pista. Esta passa a ser a missão da sua vida.

É assim que Rita vai chegar à empresa que era do pai e vai apresentar-se ao casal que o assassinou, Sara Vidigal e Fernando Montês, que num primeiro momento ela pensa estarem do seu lado. Por isso, aceita ficar a trabalhar com eles. É também assim que Rita vai chegar a António Vidigal, um dos filhos de Sara com o seu primeiro marido, Nuno.

António e ela tinham sido muito ligados quando pequenos e, embora já não se recorde dele, a empatia (a paixão) entre os dois é imediata. Ambos percebem que foram feitos um para o outro.

ANTÓNIO VIDIGAL (Vítor Silva Costa)

António é piloto numa companhia de aviação comercial e tem a profissão com que sempre sonhou. Embora vá estando mais ou menos a par do negócio da família, não é ali que ele vê o seu futuro.

Apesar do dinheiro que tem, António não tem preconceitos de superioridade. Dá-se com todos, ainda que saiba quem é e qual o seu lugar.

A força das suas convicções ajuda-o a esconder as suas fraquezas. A maior é a dor que sente por ter crescido sem o pai. E isso ainda é pior por tê-lo perdido em circunstâncias tão dramáticas.

António sente que Álvaro Faria e a família não foram as únicas vítimas do tiro disparado pelo pai. Ele e o irmão também foram. Esta partilha do mesmo drama levou a que os dois se tornassem muito amigos. Porém, uma segunda tragédia vai mudar radicalmente a relação dos dois.

António está muito longe de ser uma pessoa comum. Ele é inabalavelmente fiel às suas convicções, e quando vê Rita Faria pela primeira vez acredita que eola é a mulher da sua vida, e essa certeza nunca mais o abandonará.

SARA VIDIGAL (Luísa Cruz)

Sara nasceu num bairro pobre de Aveiro, filha de uma família cheia de dificuldades, e cresceu entregue a si mesma. A vida encarregou-se de a formar. A necessidade de vencer num mundo hostil revelou Sara como uma vencedora. A sua inteligência privilegiada e o seu espírito ousado haviam de levá-la mais longe do que podia imaginar-se.

Fernando Montês é o homem por quem ela se apaixonou ainda adolescente e tornou-se o seu parceiro para a vida. Mesmo quando estavam separados, os dois viviam em função um do outro. A história deles parecia uma cópia feita a papel químico: famílias desestruturadas, pouco dinheiro, um futuro que não prometia nada para além de uma miséria igual à que tinham na casa dos pais.

Tudo indicava que os dois se casariam jovens e fariam a vida lado a lado, mas a vida deles era complicada demais para seguir um rumo tão certo assim. Tal como os juntou, a ambição havia de separá-los.

Quando Nuno Vidigal, um homem ainda novo mas que começava a fazer fortuna em Aveiro, se prendeu de amores por Sara a vida dela dá uma volta. Com o casamento, Sara conhece novas pessoas e novas realidades. Sara refina-se, aprende o funcionamento daquela empresa de que Nuno é um dos patrões e tem dois filhos – António e Tiago. Sara não se torna apenas rica, também aprende a comportar-se como os ricos.

Até que se oferece a oportunidade de, num só golpe, ver-se livre do marido e apoderar-se da totalidade da empresa e do dinheiro. Aí, Sara não hesita. Chegou a hora de ela e Fernando se juntarem.

A vida encarregou-se de a formar, a necessidade de vencer num mundo hostil revelou Sara como vencedora.

FILIPA NOGUEIRA (Luciana Abreu)

Filipa era ainda adolescente quando se viu inesperadamente com dinheiro e novos amigos. Conheceu António e apaixonou-se. Tão decidida como bela, não demorou a despertar os mesmos sentimentos em António e tornaram-se namorados ainda muito novos.

Tirou um curso superior de ciências da nutrição e gosta de promover a alimentação saudável e a cultura biológica, o que a leva a identificar-se com a Mercearia Micaelense, de Carmo Goulart, com quem acabará por trabalhar.

Filipa tem tudo planeado, o casamento perfeito, a vida perfeita. Tudo lhe corre como sempre sonhou. Até que chega Rita, que desperta em António algo mais forte do que ele alguma vez sentiu por Filipa. É aí que a vida dela começa a descarrilar.

Anterior1 de 6Seguinte
Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close