[Raio Z] Entrevista a Luísa Ortigoso, atriz de “Bem-Vindos a Beirais”


Numa altura em que interpreta a personagem Olga na série da RTP1, “Bem-Vindo a Beirais”, a veterana atriz fala-nos da sua personagem e deste momento que vive na sua carreira.
Numa entrevista dedicada à série, Luísa revela-nos um pouco mais sobre esta beata.
É Luísa Ortigoso em Raio Z.

Zapping: Está agora a interpretar uma das personagens que mais reconhecimento lhe tem dado. Como é interpretar a Olga?
Luísa Ortigoso:
 É muito agradável, sobretudo pela contracena que proporciona e pelas constantes “aventuras” que tem. Com a Olga, não existe monotonia.

Z: Ainda existem mulheres como esta?
LO:
 Dizem-me com frequência, na rua, que conhecem uma Olga. Há mais do que eu poderia imaginar…

Z: A Olga é uma falsa beata ou crê realmente em Deus?
LO:
 A Olga crê, de facto, em Deus. Penso é que não é tão puritana como quer parecer… Wink

Z: Quando foi convidada tinha a noção do sucesso que a série ia alcançar?
LO:
 Pensei que a série tinha tudo para dar certo. Deu. E isso deixou-nos muito felizes, obviamente.

Z: Receber a notícia que a série está a ser renovada temporada após temporada não leva ao desgaste dos atores?
LO:
 Não. Beirais é um caso muito especial. Temos um ambiente de trabalho absolutamente excepcional. Somos uma família. Adoramos trabalhar uns com os outros e adoramos Beirais.

Z: Como imagina o final da sua Olga?
LO:
 Não quero pensar nisso. Estou aberta ao que possa vir a acontecer, mas não quero pensar ainda no fim da Olga e no fim de Beirais.

Z: Trabalhar para RTP é diferente de trabalhar para a TVI ou para a SIC?
LO:
 Nós não trabalhamos diretamente para as estações, mas fico muito contente por estar a contribuir, com a minha participação em “Bem-vindos a Beirais”, para o crescimento da televisão pública. É a televisão de todos nós.

Z: Como é que as pessoas a abordam na rua?
LO:
 As pessoas são muito calorosas, elogiam o trabalho e brincam muito sobre as peripécias da Olga.

Z: Depois da Olga, que papel gostaria de fazer?
LO: 
Seja ele qual for, será abraçado com vontade e trabalhado com dedicação.

Z: Além de ‘Beirais’ que projetos tem neste momento?
LO:
 Estou a fazer direção de atores para um espectáculo com a atriz Susana Vitorino, que vai estrear em Abril no Teatro Rápido.

Z: Perguntas Rápidas:
Maior Vício… Cigarros
Livro/Filme/Música/Série Favoritos… São favoritos hoje. Amanhã poderia escolher outros… Livro: “Patas arriba” de Eduardo Galeano/ Filme: “César deve morrer” dos irmãos Tavianni/ Música: “Redondo Vocábulo” do Zeca Afonso/ Série: “Bem-vindos a Beirais”
Na TV não dispenso… “Bem-vindos a Beirais”
A pessoa que mais admiro é… O meu filho
Não vivo sem… A família e os amigos
Não saio de casa sem… O passe social
Um dia corre bem quando… Há trabalho e/ou sol

Z: Pergunta Final: A sua vida dava uma novela porquê?
LO:
 Não. Tem pouco conflito dramático…

Entrevista de: Ricardo Neto
Revisão de: Margarida Costa

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close