[Raio Z] Entrevista a Margarida Conduto: “É sempre bom sabermos que nutrem carinho por nós, sendo o Manuel Luís Goucha, enche-me de orgulho.”


Tem 51 anos e um gosto enorme pelo mundo da cozinha. Habituada a trabalhar num ambiente controlado e sob pressão, enquanto Chefe de Enfermaria, a nossa entrevistada de hoje, concorrente do MasterChef Portugal, deixou claro o seu controlo na cozinha e a sua paixão pela mesma. Hoje, a Raio Z, Margarida Conduto.

Zapping: Quem era Margarida Conduto antes do MasterChef Portugal ?
Margarida Conduto: Exactamente o que sou hoje, esta experiência trouxe-me muitas coisas boas, mas continuo a mesma pessoa.

Z: Como nasceu a sua paixão pela cozinha?
MC: Nasci a ver a minha mãe a cozinhar, desde muito pequena. Tudo o que a minha mãe cozinhava me fascinava.

Z: O que a levou a inscrever-se no concurso da TVI?
MC: Nunca coloquei a hipótese de participar num programa televisivo, mas adoro cozinhar e inscrevi-me mais por brincadeira. Nunca pensei que me fossem chamar. Quando me chamaram para o casting, como foi muito perto do dia, nem estava a pensar ir, os meus filhos é que me convenceram.

Z: Como foram os primeiros momentos na competição? Sentiu-se deslocada?
MC: Deslocada? Não de todo. Dei-me bem com todos os meus colegas, desde o primeiro dia. Com uns com uma maior afinidade, como é normal.

Z: Que tipo de relação mantém com os outros concorrentes?
MC: Uma relação muito próxima, mais com uns do que com outros, como é normal.

Z: Há algum concorrente em especial com quem tenha mantido uma ligação mais próxima?
MC: Nunca conseguimos ter o mesmo tipo de relação e sentir o mesmo afecto por duas pessoas, por isso, de maneiras diferentes, mantenho uma relação muito próxima com vários ex concorrentes.

Z: Até onde pensava chegar no MasterChef?
MC: Nunca pensei chegar ao Top 15. Depois de entrar, claro que cada um de nós teria como objectivo chegar o mais longe possível, até à vitória, mas fiquei muito feliz pela minha participação.

Z: Enquanto preparava o prato da prova de expulsão, tinha noção que podia ser expulsa ou ficou surpreendida com a decisão do júri?
MC: Não pensei nisso, dei o meu melhor, como sempre dei e esperei pela opinião dos jurados.

Z: Como foi saber que passou a ser uma das mulheres da vida de Manuel Luís Goucha, depois de os destinos dos dois se terem cruzado no programa? Orgulhosa?
MC: Claro que sim! Tal como ficou claro, é totalmente recíproco. É sempre bom sabermos que nutrem carinho por nós, sendo o Manuel Luís Goucha, enche-me de orgulho, tenho uma grande admiração por ele!

Z: Quais as mais-valias que obteve do MasterChef?
MC: As mais-valias passam por todas as pessoas que conheci e daqui para a frente todas as hipóteses estão em aberto.

Z: A Margarida tem gerado dois pontos de vista do público: há quem ache a sua postura demasiado séria e dura e há quem veja uma Margarida experiente, que consegue controlar o nervosismo e não desmancha com as dificuldades. Como tem sido lidar com a opinião do público?
MC: A opinião do público até tem sido bastante homogénea e positiva, por sinal. Pareço uma pessoa séria, mas quem me conhece sabe que acaba por ser mais uma imagem exterior. Tem sido muito agradável receber o carinho de tantas pessoas que assistiram à minha participação.

Z: O que achou da Rita como vencedora do MasterChef Portugal?
MC: Vai aproveitar esta oportunidade da melhor forma possível, tenho a certeza!! Ficou em muito boas mãos!

Z: Se hoje fosse convidada de novo, aceitaria o convite?
MC: Sim, sem pensar duas vezes!

Z: Em relação ao futuro, tem algum projeto em vista? Pretende tentar a sua sorte no mundo da cozinha?
MC: Cozinha, é sem dúvida uma área que me fascina, não está de todo fora de questão.

Z: Perguntas rápidas:
Na TV não dispenso… Masterchef
A pessoa que mais admiro… toda a minha família
Não vivo sem… mar por perto
Um dia corre bem quando… falo com os meus filhos

Z: A sua vida dava uma novela? Porquê?
MC: Penso que todas as vidas dariam uma novela, umas com mais audiência do que outras.

Entrevista de Samuel Rocha
Revisão de Margarida Costa

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close