"

RTP assinala Dia Mundial do Teatro com programação especial

logo RTP

RTP

Hoje e amanhã a RTP1 e RTP2 assinalam o Dia Mundial do Teatro com programação especial dedicada a esta arte.

Na RTP2, acompanhe a estreia do documentário “Yeses”, que conta a história de uma companhia de Teatro formada por reclusas. Na RTP1, a estreia do filme “Olga Drummond” de Diogo Infante e a exibição da peça de teatro “As Árvores Morrem de Pé”, uma homenagem a todos os atores nacionais.

ESTREIA: “Yeses”, quinta, às 23h12, na RTP2

Documentário de Miguel Forneiro sobre a emocionante história de uma companhia de Teatro formada por reclusas. Mulheres cujas vidas seguiram um rumo complexo. Mulheres confinadas dentro de quatro paredes, em silêncio, entorpecidas. Mulheres que não podem ver os filhos crescer, julgadas e condenadas, que se movem numa linha ténue entre a vitimização e a culpa. Há trinta anos, em Yeserías, antiga prisão de mulheres de Madrid, uma funcionária prisional e recém-licenciada em arte dramática ousou quebrar muros e levar o teatro para dentro da prisão, criando, em conjunto com as prisioneiras, o grupo de Teatro Yeses.

Uma reflexão sobre a capacidade terapêutica e libertadora do teatro, que ajudou dezenas de reclusas a lidarem com as emoções, fornecendo igualmente novas ferramentas e a capacidade de cuidarem de si próprias.

ESTREIA: “Olga Drummond”, sexta, às 21h45, na RTP1

Homenagem a todos os atores nacionais num filme com Eunice Muñoz, Ruy de Carvalho, Isabel Abreu, Lourdes Norberto, Manuela Maria, Rita Salema e Patrícia Tavares. O primeiro projeto para cinema com realização e autoria de Diogo Infante.

A notícia de que Olga Drummond está para chegar à Casa dos Atores provoca uma grande agitação entre residentes e funcionários. A chegada de Olga, considerada a maior atriz portuguesa de todos os tempos, inspira memórias de afetos, admiração e, também, de algum ressentimento. Mas quando um jantar é preparado em sua honra, todos anseiam vê-la. Olga, no entanto, parece alheada de tudo, a idade e uma doença degenerativa tiraram-lhe o brilho e a luz de outros tempos. Até que som das palmas a trazem de volta.

“As Árvores Morrem de Pé”, sexta, às 23h, na RTP1

Recriação da peça celebrizada por Palmira Bastos numa encenação de Filipe La Féria. Com Eunice Muñoz, Ruy de Carvalho, Manuela Maria, Carlos Paulo, Maria João Abreu, João D´Ávila, entre outros.

Tudo começa numa organização que pretende tornar as pessoas mais felizes com poesia e criatividade. Um dia, um velho senhor chega ao escritório dessa estranha organização com um pedido surpreendente: o seu neto tornou-se um perigoso delinquente, mas ele quer esconder a verdade à sua mulher.

Ao longo de vários anos enganou-a escrevendo cartas fictícias, supostamente do neto, para a mulher acreditar de que o neto era um famoso arquiteto que vivia no estrangeiro. Mas certo dia, o verdadeiro neto envia um telegrama anunciando a sua chegada. Porém, o navio em que viajava sofre um naufrágio e todos os passageiros morrem. O velho senhor propõe à organização que coloque em sua casa um casal para tornar real a ilusão da avó.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close