RTP não quer pagar aos comentadores políticos

RTP não quer pagar aos comentadores políticos


O presidente da RTP afirmou na passada quarta-feira que as direções de informação da televisão e rádio está a trabalhar em novas regras para os debates políticos, onde se prevê que «tendencialmente» os comentadores políticos no ativo deixem de ser pagos.

Em resposta a uma questão do PSD sobre eventuais avenças milionárias de comentadores políticos na estação pública, Gonçalo Reis sublinhou que «a decisão sobre debates políticos cabe à direção de informação», a qual está a preparar um conjunto de medidas nesta área, nomeadamente para que os debates sejam «cada vez mais plurais».

Alegadamente, o partido político referia-se aos comentadores do programa “Três Pontos”, na RTP Informação. O presidente do PS, Carlos César, recebe 6 mil euros mensais, enquanto o presidente da Câmara Municipal do Porto aufere 4 mil, mas essa informação não foi confirmada. Já o eurodeputado do CDS-PP Nuno Melo nunca chegou a receber os 2 mil euros acordados, uma vez que não entregou recibos, refere o jornal Público.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close