RTP: Quanto valem os apresentadores para a estação

Desde que apareceram as estações privadas que a RTP tem sido alvo de ataques de vários setores devido aos ordenados milionários que paga a algumas das figuras de proa da estação. Com a crise económica que se verifica desde 2008 as críticas começaram a subir de tom e foram várias vezes manchetes de jornais.

Judite de Sousa e José Alberto Carvalho foram 2 das figuras de topo da estrutura da informação RTP que decidiram dar um murro na mesa devido às constantes publicações dos seus salários. «Agora, na TVI, ninguém vai questionar mais quanto eu ganho», disse na altura da mudança, a agora subdiretora de informação da TVI.

Com o avolumar das críticas, a estação pública decidiu efetuar cortes nos ordenados dos apresentadores. Estes são sempre a face mais visível de uma contestação que tem anos.

Catarina Furtado, Fernando Mendes e José Carlos Malato são as figuras que mais recebem no entretenimento da RTP. A última edição da TV7 Dias avança que a diva da estação pública acordou descer o ordenado de 30 para cerca de 20 mil euros. Fernando Mendes fez o mesmo percurso e passou de 20 mil cerca de 17 mil euros. Já José Carlos Malato acordou também uma redução semelhante e ganha agora tanto quanto o gordo do acesso ao primetime.

 

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close