RTP ultrapassa limite de anúncios publicitários


Em 2011 e 2012, a RTP ultrapassou, ainda sob a liderança de Guilherme Costa, os limites reservados à publicidade comercial, revelam as auditorias ao grupo público divulgadas pela ERC ao Correio da Manhã.

A auditora Gaspar Castro, Romeu Silva & Associados, detetou, em 2011, o incumprimento do limite de seis minutos reservados a publicidade na RTP 1. Já o auditor Pedro Roque encontrou, em 2012, 259 situações em que o limite foi ultrapassado e não as 23 situações declaradas nos relatórios bimestrais de cumprimentos do protocolo RTP/SIC/TVI.

O regulador dos media diz que os «limites visam impedir a distorção da concorrência entre operador público e privados». As auditorias ao grupo público detetaram ainda outras irregularidades, nomeadamente no que diz respeito à legendagem em teletexto. Os auditores falam em incumprimento em 25 semanas (é obrigatória a emissão de, pelo menos, 10 horas semanais de programas dos géneros de ficção e documentários com legendagem através de teletexto).

As auditoras detetaram também incumprimentos na duração do programa do provedor. Nos dois anos referidos, o formato contabilizou uma duração inferior à imposta. O que a RTP justificou com períodos de férias e questões de programação.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close