“Sabadabadão” vai a mínimos e é menos visto que os programas da tarde

Sabadabadão

“Sabadabadão” estreou com o objetivo de fazer crescer os números do horário nobre dos sábados da SIC, mas não tem sido bem sucedido.

Ontem o formato apresentado por Júlia Pinheiro e João Baião teve a edição menos vista de sempre e, não só perdeu para a RTP1 e TVI, como também foi menos visto que os programas da tarde da concorrência (“Aqui Portugal” e “Juntos no Verão”) e esteve em linha com os resultados do cinema da própria SIC.

Emitido a partir das 21h45, o “Sabadabadão” não foi além dos 4.8 de audiência média e 13.2% de share, segurando 469.300 espectadores em média.

A TVI vice-liderou na primeira metade do período com “O Beijo do Escorpião” a marcar 12.2/29.9%. No seguimento, “Mulheres” assumiu a liderança de ponta a ponta com 9.6/29.1%.

A RTP1, com o ‘Colômbia – Uruguai’, foi a estação mais vista, em média, no horário nobre deste sábado.

Pode consultar mais dados no fórum Zapping.

Os dados apresentados são da responsabilidade da CAEM/GfK.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

  • Brunonogueira

    A julinha fez menos em hn do que a Teresa em day time.

  • tiago

    Não consigo perceber. E um excelente programa, muito diferente do que estávamos habituados nestes últimos tempos na televisão portuguesa, divertido, coisas originais, sem 760, não entendo estes números…Ate eu depois de ver o programa esperava muito mais…Ou e a propaganda ao programa que falha (o que não me parece), ou não sei…A SIC que tenha paciência e que não estrague o programa nem o retire do ar…Agora já não e possível, mas teria sido interessante ver este programa e os seus resultados a tarde de Sábado ou Domingo.

  • R

    A SIC errou este programa devia ter ido para Setembro,ou seja na altura do inverno,que podem fazer
    21:00-Sol de Inverno
    22:00-Sabadabadão

  • India

    Uau Mulheres com um excelente share! O Beijo do Escorpião tb teve bem

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close