Sistema de audiências da GfK pode ir a tribunal


Audiências

A polémica em torno do sistema de medição de audiências da GfK continua. Ontem, RTP e TVI voltaram a insurgir-se contra a Comissão de Análise de Estudos e Meios (CAEM) depois de esta rejeitar os recursos que pretendiam impugnar a decisão de não se executar uma validação do painel de audimetria, informa o Correio da Manhã.

RTP e TVI não compreendem a razão porque a CAEM rejeitou as suas propostas e ameaçam levar o caso aos tribunais. Por enquanto, ambas as estações aguardam a mudança de direção da CAEM, presidida por Luís Marques, diretor-geral da SIC, para resolver o problema. O fim do mandato está para breve, podendo até acontecer na próxima assembleia geral do organismo, marcada para 7 de maio.

«A RTP deposita fortes esperanças na nova direção da CAEM para a resolução séria e descomprometida deste importante tema», adianta a estação pública ao jornal.

Quanto à TVI, a estação emitiu durante o “Jornal da Uma” deste 1º de maio, uma reportagem onde afirma que vai tomar todas as medidas que achar necessárias para resolver este assunto. Levar a GfK a tribunal não está fora de hipótese. Nas palavras de Luís Cunha Velho, director da TVI, o canal de Queluz de Baixo quer que seja feita uma segunda auditoria. A primeira detetou alguns erros, que, como o responsável admite foram corrigidos e agora pretende uma nova investida para ser aferido se as correções efetuadas estão de acordo com o que a TVI pretende.

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close