“Sol de Inverno”: Andreia provoca aborto e é agredida por Eduardo

“Sol de Inverno” estreou há pouco mais de uma semana e já deu a perceber a relação atribulada entre Andreia (Cláudia Vieira) e Eduardo (Diogo Morgado).

Numa das próximas cenas da novela da SIC, avança a revista Ana, este casal promete dar que falar numa cena bastante polémica.

Andreia é convidada para fazer uma campanha publicitária e decide aceitar, apesar de estar à espera de uma criança. Disposta a tudo para não ver a carreira de modelo chegar ao fim, a nora de Laura decide pedir ajuda à agente, Filipa (Margarida Vila Nova), que lhe arranja comprimidos abortivos. Dias mais tarde, Andreia toma o medicamento, que lhe provoca muitas cólicas abdominais e perda de sangue.

Andreia toma uns comprimidos para provocar o aborto

A modelo contorce‑se com dores e Eduardo, ao chegar ao quarto, vê a camisa de dormir e o lençol manchados de sangue, percebendo que a mulher está de novo a abortar.

Andreia fica em choque quando o médico lhe comunica que a sua tentativa de abortar não foi concluída e que agora transporta dentro de si um bebé que vai nascer com várias deficiências.

O obstetra admite que a modelo tem de contar ao marido o que fez e decidir com ele o que fazer agora. A nora de Laura fica apreensiva, pois vai ter de enfrentar Eduardo. Ao saber da notícia, ele fica desolado por ainda não ser desta vez que consegue ser pai e, sem saber que Andreia quis provocar o aborto, assume que não quer ter um filho deficiente, concordando que a mulher interrompa a gravidez.

Andreia fica em choque quando o médico lhe comunica que a sua tentativa de abortar falhou

No dia seguinte, Eduardo repara que a mulher se prepara para tomar um comprimido antes de se deitar e arranca‑o das suas mãos, culpando‑a por ter perdido o filho. Andreia pega noutro comprimido e prepara‑se para tomá‑lo. O marido insulta‑a e dá‑lhe um estalo. Andreia responde que ela, provavelmente, terá de tentar ter filhos com outro homem, já que ele não é capaz.

Eduardo perde a cabeça e agride a mulher de forma repetida, com grande violência, chegando a apertar‑lhe o pescoço enquanto ela grita.

Ao descobrir tudo, Eduardo acaba por agredir Andreia


Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close