Tozé Martinho acha «incompreensível» não estar a escrever novelas


Tozé Martinho

Tozé Martinho

Tozé Martinho está afastado da escrita de novelas desde 2012, ano em que foi emitida “Louco Amor” pelo ecrã da TVI.

Autor de alguns dos maiores fenómenos de audiência da ficção nacional, o guionista está parado – no que à escrita de novelas diz respeito – há 5 anos.

Para o autor esta é uma situação que não entende. «Os motivos pelos quais não escrevi uma novela terá de perguntar às produtoras que fazem ficção», atira Tozé à TV7 Dias.

O escritor de “Dei-te Quase Tudo” ou “A Outra” não encontra justificações para este afastamento: «Não me parece haver motivo algum para não me chamarem».

Tozé Martinho puxa dos galões para falar do seu percurso profissional como guionista: «É preciso ver que três das cinco novelas mais vistas no nosso país foram escritas por mim. Portanto isto tudo é incompreensível e quem perde é a televisão», defende o também ator.

Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close