“Vidas Opostas”: Resumo dos próximos episódios

"

151º Episódio (17 a 23 de setembro)

Cecília entra em casa muito perturbada e grita a Álvaro que perdeu o bebé, acusando-o de ter matado o feto. Álvaro fica espantado com a notícia.

Débora só chora, inconsolável com a situação de Hugo que está em coma no hospital. Joana sente-se culpada por não conseguir estar tão desgostosa quanto Débora. Trovão fica com pena de Débora e faz as pazes com ela.

Caio discute com Benny por ele ter deixado Maria à frente do bar e o amigo farta-se da sua arrogância e despede-se, deixando-o atónito.

Cecília faz uma ecografia para ver se o bebé está bem e mente à doutora Eunice, dizendo que caiu da escada e que Álvaro nada teve a ver com isso. A médica fica preocupada.

Aurora entrega um caixote a Artur e suplica-lhe que o guarde, dizendo que contém documentos dos negócios entre a Zenit e a MUVV. Artur fica desconfiado de que Aurora pertence à rede mas ela nega estar envolvida.

Os elementos da rede reúnem-se no laboratório e como Álvaro não atende o telefone, Eva toma o comando da organização e começa a tomar decisões. Aurora tenta opor-se mas não consegue travá-la e fica cheia de raiva por isso.

Salomé vai a casa de Jorge para sugerir um emprego a Eva. Ao falar com Jorge fica angustiada por ele estar tão cego de amor pela filha e por ter de lhe esconder que Eva é uma assassina e matou Paulo.

Ricardo leva Maria a casa e trata de a animar. Ela acaba por dizer que o ama e beijam-se apaixonadamente.

Cecília entra em casa muito perturbada e grita a Álvaro que perdeu o bebé, acusando-o de ter matado o feto. Álvaro fica espantado com a notícia.

Eva entra em casa de Jorge ao telefone sem saber que a mãe está lá e fala com descontracção dizendo que está à frente da rede. Salomé fica cheia de raiva ao perceber que ela é mesmo uma criminosa e que está a enganar Jorge. Eva tenta manipular a mãe mas ela dá-lhe um estalo com violência e dá-lhe vinte e quatro horas para contar a Jorge que matou Paulo, senão ela própria contará.

Eva fica muito transtornada com o ultimato da mãe. Salomé reafirma-lhe que tem vinte e quatro horas para contar a Jorge que matou Paulo e entrega-lhe o contacto de uma amiga caso queira um trabalho decente.

Ricardo manda Maria parar o beijo e sente-se culpado por lhe ocultar que Álvaro matou o pai dela. Maria acusa Álvaro de ter posto fogo à casa do pai, sem imaginar que ele matou Vítor. Repentinamente, sente vontade de o ir confrontar mas Ricardo detém-na, dizendo que a polícia já está a tratar do pai.

Álvaro diz a Cecília que ela perdeu o bebé por acidente. A mulher dá-se por vencida e responde que vai ficar presa à sua chantagem, como ele tanto queria.

Eva está muito nervosa quando se aproxima de Jorge no bar da praia. Ele pergunta-lhe se esteve com a mãe e ela limita-se a dizer que Salomé lhe indicou um emprego. Eva fica furiosa e atrai as atenções no bar quando se irrita com Jorge por ele confirmar que vai continuar a investigar a rede e publicar o seu artigo.

Maria irrompe pela casa dos Candal e acusa Álvaro de ter pegado fogo à casa do pai. Ele fica muito preocupado quando ela revela que Ricardo lhe contou tudo sobre ele mas fica mais aliviado quando percebe que Maria apenas sabe da gravidez de Cecília. Maria empurra Álvaro e tranca-se no quarto com Cecília, dizendo-lhe que faça a mala porque não pode ficar ali grávida com o marido. Ele tenta arrombar a porta do quarto mas Cecília acaba por revelar que perdeu o filho, deixando Maria incrédula.

Ricardo entrega a Jorge mais provas para a investigação dele à rede de doping e afirma que vai com ele até ao fim para colocar o pai na cadeia.

Caio, muito irritado, comenta com Vera e Bia que Benny se despediu do bar. A mulher e a filha criticam-no por ter mau feitio e responsabilizam-no pelo facto de Benny ter ido embora. Vera sai para trabalhar e Caio para o interior da casa. Gonçalo aparece entretanto e Bia fica contente por vê-lo e diz que tem de jantar sozinha. Ele oferece-lhe companhia.

Benny conta à mãe que Titi preferiu ficar no hospital para acompanhar a evolução do estado de saúde de Hugo. Leonor adivinha que a consciência do neto e de Joana devem estar pesadas e Benny acha que talvez a situação seja uma lição para Tito perceber que a amizade é demasiado importante para se perder em troca de uma cara laroca. Benny conta à mãe que se despediu do bar e que vai começar a cozinhar em casa por conta própria.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close