“Vidas Opostas”: Resumo dos próximos episódios

"

241º Episódio (31 de dezembro a 6 de janeiro)

Eva introduz-se no quarto de Álvaro para o matar mas Filipe chega naquele momento e impede que ela consiga os seus intentos

Tito vai a Amarante e oferece um poster a Joana, dizendo que a quer compensar por não ter podido dar-lhe o quadro que tinha em casa. Joana fica desapontada mas ainda mais preocupada quando ele diz que o quadro desapareceu. Joana convida Tito para a ajudar a escolher o vestido de noiva para o casamento com Joel. Tito fica desapontado mas depois rende-se à beleza dela, olhando-a, apaixonado.

Íris tenta seduzir Joel mas ele acaba por se afastar dela, não acreditando que ela goste dele a ponto de ficarem juntos. Carla entrega a Íris as contas da campanha da MUVV Teen com resultados excelentes mas ela desfruta pouco da sua vitória por estar triste com a atitude de Joel.

Mónica vai a casa de Cecília e diz-lhe que a partir de agora será ela a tomar conta de Álvaro e não quer que ela e os filhos se aproximem dele. Cecília discute com Milene mas acaba por ficar com pena dela.

Mónica conversa com Hugo, preocupada com a situação de Maria. Ele confessa que já não sabe o que dizer à irmã. Entretanto, recebe uma chamada de Ricardo a dizer que já está em Paris para tentar encontrar provas de que Maria está inocente.

Maria chora na sua cela, enquanto pendura fotos de Alice na parede.

Eva está furiosa com Elias porque não conseguiu acabar com Álvaro. Rodrigo tenta acalmá-la mas sem sucesso. Elias justifica-se e diz que Álvaro está guardado pela polícia no hospital. Eva desespera sem saber o que fazer.

Aurora entrega David em casa de Salomé e diz que vai jantar com Gustavo. Lucas comenta que ele sempre gostou dela. Salomé não gosta de ver Aurora na sua casa mas Lucinha elogia-a. Quando diz que não quer jantar, Salomé decreta que se acabaram as desculpas e que desta vez vai comer. Lucinha fica muito tensa.

Lucinha vai para o quarto e pensa numa solução para não comer. Ao ver-se ao espelho acha que está muito gorda e desata a fazer abdominais.

Bia prepara-se para ir ao cinema e comenta com os pais que não vai com Lucinha e que ela anda estranha nos últimos tempos. Depois de a filha sair, Vera e Caio ficam em silêncio mas ele confessa que está disposto a lutar pelo casamento e acabam por fazer amor.

Trovão confessa a sua paixão por Leonor e pede-a em casamento.

Cecília está preocupada por não saber nada de Ricardo mas Artur conta que ele ligou a dizer que está bem. Íris fica irritada por defenderem Maria, convencida de que foi ela quem tentou matar o pai.

Hugo está cada vez mais nervoso por não conseguir falar com Ricardo. Júlia diz que têm se apressar porque Maria precisa deles.

Caio e Vera preparam o pequeno-almoço e Bia nota que os pais estão mais cúmplices. Caio tem uma dor se cabeça fulminante e cai desmaiado.

Eva simula que esbarra em alguém no hospital e derrama um copo de água em cima do polícia que está a guardar Álvaro para o afastar dali e poder entrar no quarto. Quando se prepara para matar Álvaro, Eva é surpreendida por Filipe que estranha vê-la ali.

No tribunal, o juiz começa a ler a sentença do julgamento de Maria quando Ricardo chega e diz à doutora Júlia que precisa de falar com ela.

Eva esconde a seringa com que ia matar Álvaro e Filipe fica desconfiado, perguntando se ela o ia matar. Ela diz que não e vai embora. Filipe pergunta a Álvaro se viu quem o baleou e fica na expectativa de obter uma resposta. Eva fica fora do quarto a escutar o que Filipe diz

Ricardo mostra à advogada de Maria a prova de que Baltazar mentiu ao acusar Maria. Júlia interrompe a leitura da sentença e comunica ao juiz que tem a prova de que a sua cliente está inocente. Baltazar e Milene ficam muito nervosos. O juiz manda Júlia aproximar-se para ver o que há de novo e Baltazar foge sa sala de audiências.

Ricardo persegue Baltazar e consegue detê-lo.

Eva continua à porta do quarto de Álvaro, muito nervosa, a tentar perceber se Álvaro consegue dizer a Filipe se viu quem o baleou. Álvaro está muito cansado e não consegue falar.

Hugo não entende porque é que o juiz não concedeu imediatamente a liberdade a Maria mas a advogada esclarece que vão ter de anexar ao processo as novas provas que recolheram e só depois Maria poderá ficar livre. Ricardo comenta que o pai já acordou e que é apenas uma questão de dias para poder falar e dizer o que se passou.

Milene chora à cabeceira e Álvaro, pedindo-lhe desculpas por não ter conseguido fazer justiça. Ele aperta-lhe a mão e Milene diz que precisa dele.

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close