“A Teia”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 31 (24 a 30 de dezembro)

Diante de Cecília, Matilde, João Maria, Augusto e Simão, o Dr. Magalhães, diretor do hospital, explica que o médico que estava a acompanhar Jaime era um farsante, mas uma enfermeira foi a tempo de o desmascarar e reativou o oxigénio a Jaime.

Ricardo e Elvira recebem a notícia de que Jaime está vivo e que o médico era um impostor. Mulher idosa vê tv e tem uma moldura do falso médico abraçado a si, os dois um pouco mais novos.

Elvira tenta convencer Ricardo a ir ao hotel, onde tudo se passou, para tentarem averiguar quem poderá ser o suposto médico.  Joana envia mensagem a João Maria para lhe dar todo o apoio por causa do que aconteceu a Jaime. Toca a campainha é Vera.

Diana informa Tiago que Vera foi libertada por não haver provas suficientes para sustentar a acusação. Vera conta a Joana que acusação que lhe fizeram não fazia sentido.

Tiago interroga o Médico impostor e este diz que só fala na presença do seu advogado. Tiago exalta-se e pega o Médico pelos colarinhos, Diana chega e separa-os.

Tiago afirma que tentou que o médico falasse, pois acha estranho que as mortes que estão a acontecer sejam de pessoas muito próximas entre si.

Diana considera que Tiago está muito envolvido pessoalmente com as vítimas, o que dificulta a objetividade para o caso.

Tiago faz ponto situação com Augusto sobre a situação de Jaime e pergunta-lhe se Jaime tem inimigos que poderiam ter interesse em matá-lo. Augusto hesita na resposta e Tiago fica com a sensação que Augusto não lhe contou tudo.

Cláudia vê Flor a tentar praticar pontas, esforçando-se por imitar um vídeo de ballet.  Jaime contínua inconsciente.

Cecília, Augusto e Matilde falam da hipótese do médico falso ter um cúmplice, Simão vem a entrar e fica alerta com o que ouve. Família Seixas toma pequeno-almoço e Dalila e Lara ficam comprometidas com os comentários que fazem sobre o que aconteceu a Jaime.

Ricardo conversa com o Barman do bar do hotel, que lhe diz que o que aconteceu ali não foi um acidente, mas sim, uma tentativa de homicídio. Barman comenta que uma mulher esteve no bar, fingindo que não conhecia Jaime.

Ricardo conta a Elvira o que conseguiu apurar da conversa com o Barman, e que não foi Vera que ali esteve no dia do acidente na piscina. Elvira aproxima-se da receção, fazendo-se passar por inspetora da PJ e exige que lhe deem o registo dos hóspedes do dia do acidente.

Entretanto veem Tiago e Diana e resolvem afastar-se. Ricardo diz a Elvira que reconheceu a foto da rapariga brasileira nas fotos dos hóspedes. Ricardo prepara-se para ligar a alguém.

Dalila tenta acalmar Lara, que teme que descubram que ela esteve no hotel. Lara vai até à oficina.  Lara faz uma chamada, João Maria aproxima-se e agarra-lhe o braço e questiona-a sobre o que fez ao seu pai.

João Maria confronta Lara e esta defende-se, dizendo que seria incapaz de cometer um crime daqueles.

Ricardo e Elvira aguardam Denise e ela inicialmente nega qualquer envolvimento na tentativa de homicídio de Jaime, mas depois acaba por revelar que foi contratada por Lara.

Valdemar diz que vai fazer uma visita a Augusto, pois apesar das diferenças, considera que o deve apoiar, neste momento difícil da vida do filho dele. Lara mostra-se em total desacordo e Isaura, Valdemar e Humberto estranham a atitude dela. Tiago questiona Elvira sobre o motivo que a levou ao hotel onde tentaram assassinar Jaime.

Augusto comenta com Simão que têm de se juntar para descobrir quem esteve por trás do atentado contra Jaime.  Simão recorda que vai a sair pelas traseiras do Hotel, quando vê Lara de fugida, a passar.

Tiago questiona Elvira, que mente sobre os motivos que a levaram a ir ao hotel onde se deu o atentado. Tiago diz-lhe que em breve vai receber uma intimação para prestar declarações na PJ.

Tiago vê Flor já deitada, com uma luz de presença ligada e faz-lhe uma festa na cabeça. Flor pede-lhe que não apague a luz, porque tem medo. Simão passa pelos Agentes PSP que guardam a porta do quarto de Jaime e entra. Cecília agradece a Simão todo o apoio, diz-lhe que juntos vão conseguir descobrir o que realmente se passou.

Elvira chega e conta que Lara esteve no hotel naquela noite, Dalila fica atrapalhada e nega o envolvimento da sobrinha. Ricardo diz que sabe que Lara e Jaime já se conhecem há algum tempo e Ricardo faz ver que Lara tinha motivos para matar Jaime.

Simão liga para Lara, mas ela não atende. Envia-lhe uma mensagem. Lara lê a mensagem de Simão e chora a recordar o que se passou.