“Alma e Coração”: Resumo dos próximos episódios

"

121º Episódio (21 a 27 de janeiro)

Celso e Jacinta seguem o médico até ao quarto onde Carmo está, depois da operação Quando esta acorda, Celso prepara-se para lhe dar o anel de noivado mas retrai-se quando percebe que Carmo não o reconhece.

Antes de ir para o hospital, Carmo pede a Celso que não conte ainda a ninguém que vão casar. A sua família está muito preocupada mas Carmo afirma que vai correr tudo bem. Celso leva-a.

Cecília está muito perturbada quando Luís entra em casa. Ela ameaça que se acontecer alguma coisa a Leonor a culpa é dele. Não consegue deixar de pensar no que a filha passou e não quer arriscar mais. Luís sugere-lhe que vá fazer terapia e Cecília dá-lhe uma bofetada.

Vera apoia António e este diz-lhe que não faz questão de ir reconhecer o corpo do pai. Tem a certeza que é ele. Assume diante de Vera que sente muito a falta dela. Vera convida-o para irem dar uma volta e António recusa.

Clara espera por Vitória que está a arranjar-se para sair. Clara está abatida e Vitória pergunta o que se passa. Clara conta que Carmo vai ser operada e está triste por não ter ninguém a cuidar de si como Celso cuida de Carmo.

Adelaide avisa João que terá de fazer uma entrevista a falar sobre o fim da sua relação com Diana para manter a sua reputação. João não a contraria e saem para o hospital.

Na rádio, Rodrigo prepara-se para sair para o hospital enquanto termina uma reunião com Gonçalo sobre uma parceria com a rádio. Gonçalo finge preocupação com Carmo e deseja que a operação corra bem.

Zangado, António acusa Diana de ter ajudado também a acabar com o seu pai mas depois percebe que errou e pede desculpa. Lê a carta que Miguel deixou  fica mais irritado. Diana sente muita pena dele.

No bazar de moda, há muito movimento e Flávio e Naomi não têm mãos a medir. Eduarda entra ao telefone com Alex e fica passada quando este diz que foi apanhado a conduzir com álcool e vai ser presente a um juiz.

Luís ignora Cecília que se aproxima e pede desculpa. Não quer ficar zangada com ele e conversam. Luís cede e Cecília agradece-lhe por ser tão compreensivo. Quanto ela sugere vigiarem a filha, Luís recusa.

Na sala de espera do hospital, Celso nervoso mexe na caixa do anel de noivado. O neurocirurgião aproxima-se e diz à família de Carmo que a operação correu muito bem. Celso e Jacinta seguem o médico até ao quarto onde Carmo está, depois da operação Quando esta acorda, Celso prepara-se para lhe dar o anel de noivado mas retrai-se quando percebe que Carmo não o reconhece.

Cá fora, todos estão preocupados e Jacinta conta que Carmo não está bem pois não reconheceu Celso. Adelaide responde que se for só com ele não é mau. O médico pede-lhes paciência pois é normal que Carmo esteja confusa.

Vera conta a Diana a conversa que ouviu de André. Não percebe a frieza dele em relação ao desaparecimento da mulher e do filho. A conversa segue no sentido de Vitória e Diana está disposta a apoiar a filha.

Na rádio, Vitória recebe flores e Clara explica que são de Diana pela reportagem. Está muito orgulhosa dela. Vitória não aceita as flores e entrega-as a Clara, dizendo que a sua mãe é Júlia. Clara fica com as flores e Vitória guarda o bilhete.

Eduarda ralha com Alex e quer que ele volte a treinar para deixar as noitadas. Nelson também chama a atenção do sobrinho e aconselha-o a ser mais esperto. Eduarda pede ao irmão que olhe por Alex.

Os Macedo entram em casa, vindos do hospital e Jacinta sente-se muito culpada, não vai aguentar se Carmo não recuperar a memória. Adelaide recebe uma chamada e a seguir pede a João para lhe falar a sós na biblioteca. Já viu as respostas dele na entrevista e acha que são ridículas. O objetivo daquilo era ele mostrar que é um homem. Farto da mãe, João sai pois está mais preocupado com Carmo.

Na loja de tecnologia, Celso trabalha triste e abatido. Conta a Luís que correu tudo bem com a operação mas Carmo não se lembra dele. Luís aconselha que pense que é temporário. Cecília aparece de surpresa e desafia Luís para almoçar.

Na escola de circo, Marta disfarça a dor diante de todos. Ouve surpreendida António dizer que Miguel deu o corpo à ciência e não deixou testamento, ele é o único herdeiro.

Júlia tem uma ideia para investir uma parte da venda da Somecel. Pensa numa imobiliária para o mercado de luxo e Vitória acha bem. Júlia quer saber porque é que a filha não lhe contou que suspeitava de Miguel.