“Alma e Coração”: Resumo dos próximos episódios

"

119º Episódio (21 a 27 de janeiro)

Durante o jantar em casa de Celso, Carmo pega numa travessa de comida quando começa a ter um ataque epiléptico. Deolinda e Raimundo ficam desorientados mas Celso lida com tudo com muita calma. Clara entra em casa e fica em choque ao ver aquilo.

De saída da casa dos Macedo, Deolinda pergunta a Jacinta e a Nestor como está Simão. Estes dizem que o rapaz está a recuperar muito bem. Também comentam a atitude de João a defender Diana e Jacinta observa que aquela casa é um manicómio.

Na sede do grupo, Miguel está furioso. Alerta os rapazes que a polícia já sabe que eles estão envolvidos na morte de Renato. Salvador presume que foi Zé Maria que abriu a boca mas na verdade ninguém sabe dele nem de Francisca.

André vai à rádio, à procura de Francisca. Vitória explica que ela fugiu com Zé Maria e não acredita que voltem tão cedo. André comenta que talvez seja melhor assim e Vitória fica confusa.

Ao telefone com Adelaide, João diz a mãe para deixar de o controlar. Desliga o telefone para ir abrir a porta. Diana entra fora de si e confronta João sobre ele ter pago a Beatriz para a afastar de Rodrigo. João fica sem palavras.

André reúne-se com Nelson e fala com Raimundo ao telefone. Garante que vai resolver tudo com a ajuda de Nelson que vem avisar que devem tirar tudo da empresa de André pois tem o nome na lista da polícia. André decide retirar tudo do bairro.

Diante de Diana, João admite tudo o que fez para separar Diana e Rodrigo. Diana sente-se traída e chama-lhe egoísta. Está muito desiludida com ele e nunca vai esquecer isto.

Vitória conversa com António na escola de circo e quer saber coisas sobre Miguel. António acusa o pai de ter mandado pessoas ali para roubar as cartas e de ser responsável pela morte de Renato. Conta a Vitória sobre o plágio do livro e esta toma notas de tudo.

Diana regressa a casa e diz a Rodrigo que foi ter com João para o confrontar. Rodrigo não está surpreso com a atitude de Beatriz e Diana sente ainda mais remorsos por estar a mentir a António.

Durante o jantar em casa de Celso, Carmo pega numa travessa de comida quando começa a ter um ataque epiléptico. Deolinda e Raimundo ficam desorientados mas Celso lida com tudo com muita calma. Clara entra em casa e fica em choque ao ver aquilo.

Jacinta fica preocupada ao receber a notificação de que Carmo está a ter um ataque. Diz a Nestor que têm de ir buscar a neta a casa dos Moura. Jacinta sente-se mal e culpada por aquela aflição.

Gustavo e Naomi tratam de processos de legalização de pessoas do bairro. Aida conclua Gustavo para jantar mas este recusa pois já tem o jantar com a família. Lucas aparece e aceita ficar para jantar e Gustavo, cheio de ciúmes, decide ficar também.

Flávio está muito satisfeito com o sucesso das fotografias de Alex e Naomi nas redes sociais. No entanto, Eduarda só quer saber se isso já trouxe clientes em concreto. Esta fala com Alex ao telefone e ralha com ele por andar a sair todas as noites.

Vitória encontra-se com Nelson para lhe dizer que tem informações que o podem ajudar a ser promovido. Em troca só quer o exclusivo da detenção que vai acontecer. Nelson fica de pensar e Vitória avisa-o que é melhor não demorar pois a PJ está perto de descobrir tudo.

Ao recuperar os sentidos, Carmo sente-se envergonhada por perceber que teve um ataque ali. Deolinda desvaloriza e recorda-lhe que não tem culpa. Ao saber que estão todos preocupados, Carmo pede a Celso que a leve a casa.

Júlia está muito feliz por ter Vitória do seu lado. Esta faz perguntas sobre Miguel e alerta a mãe que algo de errado está a acontecer na antiga casa delas. Nelson manda mensagem a aceitar o acordo e Vitória sorri triunfante.

Diana decide contar tudo a António e explica que ajudou Francisca e Zé Maria a fugir, mesmo sabendo que o jovem matou uma pessoa. António fica perturbado, sem perceber a atitude da amiga. Por fim, declara que Zé Maria devia pagar pelo que fez.

Júlia prepara-se para sair quando Vitória pergunta pelo seu colar. Júlia finge que não sabe do que ela está a falar e a filha explica que foi um presente de aniversário de Diana mas desvaloriza. Sai apressada e Júlia fica intrigada.

Carmo reúne a família para lhes dizer que decidiu que vai fazer a cirurgia e que mesmo sabendo os riscos, não vai mudar de opinião. Quer ser uma pessoa normal e o ataque do dia anterior foi a gota de água para ela.

Raimundo está orgulhoso do filho por ele ficar com Carmo e ter o sangue frio de a ajudar durante um ataque. Depois de Raimundo sair, Celso pede explicações a Clara por ir embora lá de casa. Esta afirma que não quer interferir na relação dele com Carmo.

Salvador comunica por telefone a Miguel que não consegue aceder ao blogue nem às redes sociais do grupo porque Zé Maria deve ter mudado as passwords e deixou tudo encriptado.

Vitória aborda Miguel muito direta e fala-lhe do plágio do livro e do assalto à escola de circo que acabou com uma morte. Fala também na casa que sabe que ele alugou para ser a sede do grupo neo-nazi e avisa-o que a polícia já sabe. Miguel vira costas, furioso.

António repara que Marta está a coxear e diz-lhe que deve descansar. Marta responde que está tudo bem e que tem de continuar a treinar. António assente e sai. Marta vê o seu tornozelo e está em muito mau estado. Toma mais um comprimido.