“Alma e Coração”: Resumo dos próximos episódios

"

117º Episódio (14 a 20 de janeiro)

Durante o jantar, Adelaide não se contém e humilha Diana. Esta decide ir embora. Rodrigo fica magoado com a mãe e João decide defende a ex-mulher, dizendo que já aceitou o que aconteceu e sugere que todos façam o mesmo.

Muito nervoso, Zé Maria lê as mensagens dos outros companheiros do grupo que lhe pedem desculpa. Salvador diz a Zé que pode confiar nele. Este hesita mas acaba por não ligar a ninguém.

Desesperada, Francisca pede ajuda a Diana, não pode perder o filho. Fala-lhe do passado delas como amigas e como mãe. Diana fica comovida e decide ajudar.

Gonçalo vai mesmo ficar com a Somecel e oferece-se para ajudar Júlia se ela precisar de investir o seu dinheiro. Recebe uma mensagem e diz a Júlia que tem de ir embora.

Clara pede a Celso que a deixe em paz e este afasta-se. Vitória acha que a amiga devia pensar em andar com Celso já que gosta dele. Passaria a ser a “outra” mas ficaria com a melhor parte.

Na casa de chá, Carmo diz a Celso que vai haver um jantar de família e convida-o. Celso oferece-lhe uma fotografia deles para ela não se esquecer dele, depois da operação, o que a deixa emocionada.

João e Nelson conversam e falam do momento em que João estava com Adelaide. Nelson quer saber se a mãe de João não desconfiou de nada. João tem vontade de se assumir mas falta-lhe coragem. Nelson convida-o para irem dançar nessa noite e João aceita.

Gonçalo conversa com Diana e acha que se ajudarem Francisca estarão a encobrir um homicídio. Diana tem consciência disso e está arrasada. Gonçalo fica de tratar de tudo para que Francisca saia do país na companhia do filho.

Vera encontra-se com António e abraça-o. Este está muito triste com a morte de Renato. Vera pergunta se sabem quem o matou e António explica que a polícia está a investigar. António quer saber quem é o pai do bebé de Vera mas esta não quer falar sobre isso.

Gonçalo diz a Francisca e a Diana que o avião já está pronto. Informa Francisca que irá ao banco e depois lhe entrega o dinheiro. Quando ficam a sós, Francisca conta a Diana que foi André quem matou Giacomo e Diana quer saber o que ele estava a fazer no matadouro mas Francisca não sabe porquê.

Júlia sente-se mal perto de Vitória e esta prontifica-se a levar a mãe ao hospital. Júlia recusa e percebe que fica melhor quando a filha se afasta.

Zé Maria está nervoso com a fuga mas Francisca assegura que vai correr tudo bem e pede ao filho que confie nos amigos que os vão ajudar. Garante que não contou nada a André sobre irem fugir. A ajuda chega e eles saem porta fora.

Adelaide acha que o jantar não foi boa ideia. Todos chegam e João pede para falar a sós com Carmo. Rodrigo pergunta a Diana se está bem e pede-lhe que o avise quando quiser ir embora.

Na biblioteca, João diz a Carmo que vai estar do seu lado se ela decidir fazer a cirurgia. Só quer saber se ela tem a noção dos riscos que corre. Carmo afirma que sabe e a conversa é interrompida por Celso que vem chamar Carmo.

Clara fica cheia de ciúmes ao saber que Celso foi jantar a casa dos Macedo. Diz a Deolinda e a Raimundo que também vai sair e estes apoiam-na. Deolinda declara que já percebeu o que se passa entre ela e o filho.

Rui já tem o envelope com o teste de paternidade mas não tem coragem de abrir. Martim tira-lhe o envelope da mão e abre. Ficam chocados ao constatar que o resultado é negativo é que Rui não é o pai da bebé.

Alex está pronto para mais uma festa. Eduarda e Flávio pedem ao filho que tenha cabeça e que não chegue tarde a casa. Alex sai e Eduarda aproxima-se do marido sedutora. Flávio fica feliz com as intenções da mulher e vão para o quarto.

Júlia conversa com Vitória e percebe novamente que a proximidade com a filha a deixa mais fraca mas disfarça. Vitória dá um beijo à mãe que começa a sentir-se mal. Júlia diz que precisa de descansar e vai deitar-se.

Durante o jantar, Adelaide não se contém e humilha Diana. Esta decide ir embora. Rodrigo fica magoado com a mãe e João decide defende a ex-mulher, dizendo que já aceitou o que aconteceu e sugere que todos façam o mesmo.

Muito sério, Miguel fala com Salvador. Este conta que voltou à casa dos pais de Zé Maria e ninguém atendeu. Conta também que Francisca não foi trabalhar e Miguel observa que se a policia oferecer um acordo a Zé Maria, este vai denunciar o grupo.

Diana conta tudo a Rodrigo sobre a ajuda que deu a Francisca. Sente que está a trair António que ficou muito mal com a morte de Renato. Rodrigo abraça-a e acha que ela fez bem em ajudar e que saberá o que fazer a seguir.