“Alma e Coração”: Resumo dos próximos episódios

"

87º Episódio (10 a 16 de dezembro)

O administrador da rádio reúne-se com Paulo e com Rodrigo e nomeia Rodrigo como novo diretor da rádio. Paulo fica muito exaltado e acusa-o de o estar a despedir sem justa causa.

Júlia pergunta a Fernando o que é que Nestor queria falar sobre a empresa e Fernando desconversa, dizendo que não é nada importante. Júlia não fica convencida.

Francisca exige que André a ajude a resolver a situação com Zé Maria. Sem paciência, André afirma que a mulher está mesmo a precisar de terapia, o que a deixa magoada.

Diana pede o divórcio a João e quer sair daquela casa. Pede-lhe que assuma de vez que é gay e que a liberte pois gosta de Rodrigo e já não consegue mais viver naquela farsa.

O administrador da rádio reúne-se com Paulo e com Rodrigo e nomeia Rodrigo como novo diretor da rádio. Paulo fica muito exaltado e acusa-o de o estar a despedir sem justa causa.

Depois de Paulo ir embora, o administrador informa todos os colaboradores da rádio do novo cargo de Rodrigo e gera-se um burburinho. No entanto, Rodrigo nem comemora pois está muito preocupado com o fato de João o ter apanhado com Diana.

Clara está aliviada por ter dito a verdade mas ainda sente receio do que possam dizer sobre a entrevista. Celso tranquiliza-a e quando Clara fala da relação dele com Carmo, este foge ao assunto.

Nestor e Jacinta informam Adelaide e Carmo que vão trazer Simão lá para casa pois ele está muito doente. Adelaide fica furiosa e insinua que o neto de Nestor se vai aproveitar da situação para lhes sacar dinheiro.

Cecília, Luís e Leonor conversam sobre a entrevista de Clara e Leonor também mostra vontade de falar abertamente sobre o que lhe aconteceu. Luís desaprova mas Cecília apoia a filha incondicionalmente.

Ao telemóvel, Eduarda repreende Alex por ter feito asneira e ter sido suspenso. Desliga a chamada quando chegam os agentes da ASAE. Estes informam que foram as amêijoas que provocaram a intoxicação alimentar e Eduarda fica surpresa. Explica aos agentes que compra as amêijoas a Raimundo, de forma ilegal, pois assim é mais barato e reforça que nunca teve razão de queixa do produto dele.

Raimundo conta a André que tinha um acordo com Giacomo e que vendia uma parte das amêijoas à marisqueira de Eduarda, que está a ter problemas com a ASAE. André fica fulo e Raimundo assegura que eles não têm maneira de chegar a eles.

Francisca vai à universidade falar com Zé Maria e implora-lhe que volte para casa mas ele está irredutível e não cede ao pedido da mãe. Afirma mesmo que enquanto a mãe estiver com o pai, ele não volta.

Paulo vai à casa de chá e agarra Clara com força, exigindo que ela desminta tudo o que disse sobre ele na entrevista. Leva-a para fora e fala muito alto, o que chama a atenção de toda a gente. Carmo intervém e ameaça que vai chamar a polícia, fazendo com que Paulo vá embora. Vitória assiste a tudo e não deixa que ele se aproxime dela.

No hospital, Simão está melhor e fica surpreso quando Jacinta e Nestor o convidam para viver com eles. O médico ressalva que se ele piorar tem de voltar a ser internado e Simão, relutante, aceita o convite.

Naomi pergunta a Aida se ouviu alguma coisa no bairro sobre Lucas. Comenta com a mãe que Gustavo viu Lucas a falar com o polícia Nelson e não achou isso normal. Leo ouve tudo e fica indignado.

Rui e Martim cuidam da bebé muito atrapalhados e nem um nem outro tem experiência e jeito para ser pai.

Leo vai ter com Lucas e confronta-o por andar a falar com Nelson. Quer saber se ele anda a colaborar com a polícia e Lucas defende-se negando ser um “chibo”. Inventa que andam a controlar se ele faz algo errado para voltarem a prendê-lo mas está decidido a ter uma nova vida e quer cuidar de todos ali no bairro.

Nelson marca uma consulta com João para conseguir falar com ele. João fica incomodado e não esconde que tem ciúmes mas Nelson consegue dar-lhe a volta, dizendo que tem saudades dele. Acabam por se beijar.