“Alma e Coração”: Resumo dos próximos episódios

"

303º Episódio (15 a 21 de julho)

Gustavo entra em casa animado e Naomi ganha coragem e conta-lhe que fez um acordo com Gonçalo, entregou-se a ele em troca da liberdade de Gustavo. Ao ouvir isto, este fica devastado.

Na casa de chá, Aida entrega o telemóvel a Raimundo que o havia esquecido. A seguir conversa com Júlia que está chorosa pois tudo na sua vida corre mal. Aida observa que já não vê maldade nela e acredita que no fim tudo vai correr bem porque Júlia é uma mulher forte.

Diana está contente por Gustavo estar livre mas para ele as coisas ainda não acabaram. Diana e Naomi mostram a Gustavo a carta de Lucas. Gustavo explica que para avançarem e irem à polícia terão de arranjar mais provas contra Gonçalo.

Em casa dos Macedo, Adelaide tem dificuldades. Deolinda ajuda-a e comenta que os pais de Adelaide estão a ponderar contratar alguém para a ajudar. No entanto, Adelaide não quer. Cai no meio do chão e sente-se humilhada. Deolinda ajuda-a e Adelaide agradece.

No estaleiro, Pedro não se sente bem no cargo de diretor e desabafa com Vera que isso o vai afastar de Carmo. Vera afirma que tudo vai passar e acha que ele será um bom gestor.

Luis está muito angustiado e conversa com António. Por um lado, quer ajudar a filha e acha que deviam ir para o Brasil. Por outro lado, não quer perder Vera nem ouvir falar em ir viver para o Brasil. António conversa com ele.

Na loja de discos, Marta está irritada a mandar vir com David quando Gustavo se mete com ela. Marta fica mais irritada e Gustavo ri. Diz ainda para Marta o chamar para beber café quando estiver mais bem disposta.

Vitória entra furiosa no gabinete de Gonçalo. Quer saber o que se passou para Gustavo ser solto. Gonçalo explica que ele foi espancado e que não podem dar tanto nas vistas. Declara ainda que ainda o vão prejudicar e pede que ela fique descansada.

À saída da Somecel, Vitória fica desconfiada ao ver Naomi ali que exige falar com Gonçalo. Pergunta-lhe o que quer do seu pai mas Naomi responde que não tem de dar explicações. Gonçalo não deixa Vitória entrar novamente no seu gabinete quando Naomi entra.

Naomi enfrenta Gonçalo e declara que quer que ele faça o mesmo que fez por Gustavo para tirar Leo da prisão. Quer que ele pague ao juiz para o libertar. Gonçalo quer saber se o pagamento é o mesmo, uma noite com ela. Diante da resposta afirmativa de Naomi, Gonçalo afirma que vai pensar.

Na loja de tecnologia, Júlia agradece a Luís o contato que este lhe deu. Vera entra e não gosta da cumplicidade entre eles. Depois de Júlia sair, Luís explica que Júlia só foi agradecer mas Vera está fula e cancela o almoço com ele e vai embora.

Na rádio, Vitória olha para o telemóvel ansiosa. Decide não fazer uma chamada para Gonçalo e sai do gabinete determinada.

No openspace, Vitória sonda Celso sobre Clara e as pessoas da rádio. Celso adverte que deixe Clara em paz pois já lhe fez mal suficiente. Autoritária, Vitória manda Celso ir trabalhar.

Na escola de circo, Naomi ganha coragem e conta a Diana que foi para a cama com Gonçalo para ele libertar Gustavo. Mostra-lhe ainda uma gravação da conversa que fez com ele e quer levar isso à polícia. No entanto, para o fazer terá de contar a Gustavo o que fez.

Na Somecel, Vitória fica furiosa ao saber que Gonçalo foi para a cama com Gustavo em troca de libertar Gustavo. Gonçalo declara que isso contaminou a relação de Gustavo e Naomi para sempre e argumenta. Vitória vai na conversa dele.

Gustavo entra em casa animado e Naomi ganha coragem e conta-lhe que fez um acordo com Gonçalo, entregou-se a ele em troca da liberdade de Gustavo. Ao ouvir isto, este fica devastado.

Na casa de chá, Raimundo percebe que algo se passa com Ainda. Esta explica que tem a certeza que Naomi lhe está a esconder alguma coisa e sabe que a filha está angustiada por algo que lhe aconteceu.

Gustavo e Naomi discutem e ele não aceita que ela tenho ido para a cama com Gonçalo, mesmo tendo sido para o salvar. Ele sai de casa e deixa Naomi destroçada a chorar.

Diana conta a Rodrigo e a Júlia que Naomi tem uma gravação onde Gonçalo admite ter incriminado Gustavo e ter subornado um juiz. Júlia quer ir à polícia e afirma que Vitória também é cúmplice e tem de pagar por isso. Diana defende a filha.

Nestor está contente com a decisão de Pedro aceitar o cargo de diretor do estaleiro. Conversam sobre Carmo e Nestor declara que com o tempo ela vai perceber a sua decisão. Pedro espera que assim seja.

Deolinda está de saída ao final do dia e Adelaide agradece-lhe por tudo. Deolinda volta atrás pois acha que Adelaide tem febre. Esta esclarece que está bem e explica que ela é a única que a trata normalmente e não sente pena dela.