“Jogo Duplo”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 253 (5 a 11 de novembro)

Os mercenários entram no gabinete de Maria João e esta começa a refilar. Pega no telemóvel para fazer uma chamada, mas o mercenário dá-lhe uma coronhada na cabeça que a deita ao chão.  Ouvem-se tiros e os mercenários entram no hotel.

Gabriela fica furiosa e tem de ser ameaçada para levantar as mãos.  Afonso e Diana preparam-se para sair, quando o mercenário e um chinês entram no escritório e lhes apontam as armas deixando-os em pânico.

Mercenário mostra uma mensagem de Manuel e Helena e Rodrigo dizem que só podia ser ele.  Teodoro diz que está a tentar embebedar os russos, um dos russos parte a garrafa de vodka e ameaça Teodoro.

Os russos atam os reféns às cadeiras.  Teodoro diz que está a tentar embebedar os russos. Telmo acha que os russos aguentam mais que ele. Um dos russos parte a garrafa de vodka e ameaça Teodoro.

Os russos atam os reféns às cadeiras.  No bar Litoral, Freddy conta a Patrícia que viu João a fotografar Alexandre “morto”, entram dois mercenários, que ameaçam todos com as armas e mandam cumprimentos de Manuel.

Sandra pergunta a Margarida se ela se habituou aos tiros e à polícia e Steven diz que sim e que a violência os persegue.

Os mercenários entram e ameaçam Margarida, Steven e Sandra. Óscar decide ligar a Afonso. Vítor entra e Óscar diz-lhe que acha que se está a passar alguma coisa complicada no hotel.

Manuel recebe uma mensagem e liga a Vítor e diz-lhe que fez reféns em seis locais estratégicos da região. Manuel diz que quer ser libertado e se as forças policiais forem para os locais sequestrados, os reféns vão começar a morrer. Vítor pede à brigada para confirmar se aquilo é mesmo verdade.

No casino, João mostra a planta da casa de Manuel e conta o plano para entrar com a equipa de limpeza.

Diogo também quer ir mas João diz que vai sozinho. Renato e Clara ligam para o café e ninguém atende e decide ir lá.

O telemóvel de Maria João toca: é Manuel. Manuel diz a Maria João que nem as filhas gostam dela e não vai ficar com nada dele. Manuel conta que a família dela está toda refém e desliga.

Óscar quer avisar a Unidade de Combate ao Terrorismo. Vítor acha que devem ser eles a negociar, pois todos têm entes queridos entre os reféns. Óscar acha devem cortar as comunicações com o exterior e Vítor concorda.

Laura acha que é algum inimigo de Manuel que está a fazer aquilo. Acaba por dizer que pode ser Susana, pois ela apanhou-a e ameaçou-a. Conta que foi ela que ajudou a sabotar o navio-sonda.

Freddy quer arranjar maneira de sair dali e Patrícia diz-lhe para estar quieto. Catarina quer arranjar maneira de fazer um direto do que se está a passar. Renato bate à porta do café e um dos russos vai buscá-lo com a arma apontada à cabeça. Renato olha para Rosa que lhe diz que aquilo é obra de Manuel.

Clara diz que ninguém atende no café e Renato foi para lá e agora também não atende. No hospital, Cátia acorda e vê Susana que lhe diz que lhe pediu para confiar nela, pois tinha um plano. Susana conta o que fez e que João vai acabar com Manuel.

Susana tira uma arma do bolso e chora.  Tiago entra no escritório e diz que tem tudo tratado para João entrar na casa de Manuel e que a maquilhadora do casino vai mudar-lhe o visual. João recebe uma mensagem de Manuel para Susana ir ter com ele.