“Nazaré”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 13 (23 a 29 de setembro)

Toni exige a Duarte que se afaste de Nazaré. Duarte acede.

Félix mostra a Nazaré o vídeo do assalto à quinta e ameaça-a.

Nazaré dá pela falta das chaves de casa. Joaquim, que está por perto, ajuda-a a procura-las. Nazaré percebe que deve ter sido Duarte e apressa-se a ir contar à mãe.

Enquanto isto, em casa de Nazaré, Duarte persuade Toni a contar que são os mandatários do incêndio. Toni diz que não lhe vai entregar a “raia miúda” e Duarte exige que descubra quem é o responsável.

Nazaré chega a casa, Duarte está furioso e acaba por aceder quando Toni lhe exige que se afaste de Nazaré.

Glória e Matias estão a acabar de limpar o restaurante quando entra uma senhora que lhes atira com tomates enquanto grita acusações. Glória, farta de ser maltratada, decide reunir a atenção de todos e, de lágrimas nos olhos, apela ao sentimento dos comerciantes e clientes. Nazaré apoia Glória e Luís acaba por dizer que Toni pode regressar ao mercado pois ninguém lhe fará mal.

Marco entrega os resultados dos exames a Verónica que fica perturbada com o que lê. Paga e sai apressada. Descambada a chorar e amarrota os resultados dos exames de ADN.

Duarte acaba de fechar um negócio. Partilha a notícia com os tios e aproveita para informar que deu férias a Nazaré para esta poder dar à mãe os cuidados que precisa.

Félix e Verónica ficam com receio que Duarte comece a ganhar terreno dentro da empresa e Verónica insiste com o marido que não podem ficam parados a ver Duarte vingar.

No mercado, Nazaré observa Toni que se afasta com Heitor. A jovem estranha esta movimentação e decide segui-los quando ouve Heitor ameaçar Toni dizendo-lhe que a família sofrerá represálias se ele falar. Nazaré confronta Toni com o que ouviu e este acaba por confessar que foi Heitor que lhe pagou para atear o fogo e que não falou por medo. Nazaré fica decidida a arranjar um plano para que Heitor confesse.

Gonçalo e Laura estão na cozinha enquanto Cris e Ana servem às mesas. A desorganização é clara mas Gonçalo não cede pois quer ajudar e voltar ao ativo. Rogério, que está no bar do hotel, dá conta da confusão e oferece-se para ajudar.

Joaquim aproveita para meter conversa com bárbara sobre a venda dos Terrenos. Esta, prontamente, o informa de que a venda será feita aos Blanco.

Toni envia uma mensagem a Heitor para se encontrarem na Serração. Nazaré vai com ele até ao local e fica escondida a ouvir a conversa os dois.

Toni diz que os homens querem mais dinheiro para permanecerem calados e Heitor começa a estranhar que tenha sido ele a oferecer-se para ser porta-voz do grupo. Quando Heitor se apercebe de que a conversa está a ser gravada parte para ima de Toni. Ainda que Nazaré tente ir em sua defesa percebe que não lhe consegue fazer frente e começa a fugir deixando Toni inconsciente caído no chão.

Nazaré corre pela floresta para fugir de Heitor enquanto liga para Laura a pedir ajuda. Quando chega à estrada, a jovem em desespero, manda parar um carro que vem no seu enlace.

Félix sai do carro, Heitor junta-se a ele e mostram a Nazaré o vídeo das câmaras de vigilância do assalto à quinta ameaçando-a de que se abrir a boca vai presa pela morte de António e pelo assalto à quinta.