“Onde Está Elisa?”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 57 (14 a 20 de janeiro)

Francisca entra em casa e encontra Rui e Joana relativamente íntimos. Rui não se importa com Francisca e pede a Joana que ela se concentre em ajudá-lo.

Na cabana Elisa está a escrever, mas esconde a folha quando ouve a porta. Bruno entra com uma pasta e começa a arrumar as compras enquanto Elisa se detém a ler sobre a deteção de Rui. Elisa está em choque e pede a Bruno que a deixe voltar para casa e Bruno, um pouco violento, agarra-a e diz que eles vão fugir como estava previsto.

Joana chega à Fundação e Zé Pedro está à sua espera. Constança e Olívia ficam espantadas por verem Joana ali e Zé Pedro diz-lhes que Joana vai ajudar a provar a inocência de Rui.

Bruno chega e pergunta por Joana a Alexandra, que diz que ela se despediu. Matilde diz a Sebastião e Gonçalo que poderá estar nas mãos deles encontrarem a Elisa.

Matilde explica a estratégia que os poderá levar até Elisa e começam a estudar o perfil de amigos homens de Elisa no Facebook. Joana e Zé Pedro entregam documentação a Raquel que prova que no fim-de-semana em questão, Rui estava no Algarve. Bruno está furioso por Joana se ter despedido e Inácio não aparecer.

Diz que tem prazos para cumprir e pergunta se a acusação a Inácio por tentativa de violação vai continuar, uma vez que ele precisa de Inácio a trabalhar.

Alexandra diz que se Inácio vier, ela sai. Bruno diz que quer Inácio e Alexandra arruma as suas coisas. Júlio interroga Faustino e quer saber que tipo de informações Yuri lhe pode ter passado. Inácio vai ter com Olívia à Fundação para tratar do divórcio de forma civilizada e pergunta-lhe se pode tirar a queixa contra ele e Olívia mostra-se renitente.

Júlio continua a apertar com Faustino, que lhe diz que nos últimos tempos Carlos ia lá muito falar com o Yuri e também falava muito com Elena. Sebastião, Matilde e Gonçalo continuam a espreitar os perfis homens dos “amigos” de Elisa no Facebook. Concordam que para serem “investigadores” deverão considerar toda a gente e isso significa incluir Inácio e Bruno.

Raquel passa a Tiago os documentos que provam que Rui esteve no Algarve quando supostamente o raptor estaria com Elisa em Colares. Carlos está em casa angustiado e olha para a foto de Elisa adormecida.

De seguida tira do caixote, onde guardou a papelada da investigação as fotos de Rui, Inácio, Bruno e Zé Pedro e olha-as intensamente. Carlos abre a porta a Elena que diz que é a nova proprietária do Bar de Strip.

Elena repara nas fotos em cima da mesa e Elena diz que nunca acharia Bruno culpado por ter um ar certinho. Matilde, Gonçalo e Sebastião continuam a analisar os perfis dos “amigos” de Elisa no Facebook, Matilde e Sebastião discutem e Gonçalo resolve pararem com a “investigação” e fecha o portátil.

Nesse momento entra Bruno. Olívia diz a Alexandra que Inácio lhe pediu desculpa e que quer chegar a acordo com ela sobre o divórcio. Alexandra está irritada e explica que se acabou de despedir porque o Bruno escolheu Inácio e não a ela. Patricia avança pelo corredor entra no quarto de Elisa e Francisca assusta-se.

Patrícia quer conversar com a mãe sobre Rui e Elisa. Elisa está desfeita por Rui ter sido acusado e pede a Bruno que acabe com tudo e ele diz-lhe que agora não há retorno e relembra-a que foi ela que começou tudo. Elisa recorda que dança na pista e cruza o olhar com o de Gonçalo e escapa-se por entre as pessoas.