"

TVI já escolheu substituta de “Na Corda Bamba”

Espírito Indomável

“Espírito Indomável”

“Na Corda Bamba” chega ao fim em maio e como tal a TVI já tem a sua substituta pronta para estrear.

Dado ao surto de Covid-19, que obrigou à interrupção das gravações das suas novelas, Nuno Santos optou por ir buscar uma repetição.

“Espírito Indomável”, da mesma autora de “Nazaré” da SIC, foi a escolhida para ocupar as noites do canal.

“Amar Demais” seria a sucessora natural de “Na Corda Bamba”, mas a nova história de Maria João Costa não tem uma frente de episódios disponivel.

“Espirito Indomável” já teve a sua reposição à hora de almoço e, agora, regressa à noite numa Edição Especial.

Tudo começa em 1990, no Uruguai, quando uma tragédia acontece e uma menina de dois anos é dada como morta, o seu nome era Constança Monteiro Castro, filha mais nova da família Monteiro Castro.

Já em terras lusas, em 2010, Zé Gomes (Vera Kolodzig), uma jovem selvagem e de espírito indomável, voltará a desencadear ódio entre duas famílias que travam uma luta antiga. E tudo porque se apaixona por Rafael Figueira (Diogo Amaral), o último homem por quem se poderia interessar. João Monteiro Castro (João Catarré) que, por sua vez, foi adoptado pelos pais verdadeiros de Zé, é outro dos seus pretendentes.

Quando descobre que Constança afinal está viva, o rapaz não descansa enquanto não conquistar o seu coração, pois assim conseguirá parte da herança. Este triângulo amoroso promete não deixar ninguém indiferente, principalmente quando Rodrigo Monteiro Castro (Luís Esparteiro) tentar que João se afaste da jovem, fazendo renascer a fúria contra os Figueira.

Apesar de tudo, esta proximidade vai causar uma grande reviravolta na trama, uma vez que o fazendeiro acabará por descobrir que a rapariga que tanto despreza é a sua filha Constança.