“Valor da Vida”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 196 (6 a 12 de maio)

Júlia liga a Camilla e diz que ninguém sabe de Artur, nem dos guardas que iam com ele. O médico observa Artur e diz que teve sorte e é só desinfetar e costurar.

A Assistente Social diz que as crianças ou vão para um centro de acolhimento ou para a casa de um familiar e Marcelo sugere que Carolina fique com os sobrinhos e Sara vinca que não quer.

Marcelo diz que Sara precisa de ajuda e ela expulsa-o, descontrolada. Vasco quer beber para esquecer e vinca que vai continuar com Carolina. Marcelo vai a casa de Vasco e pede para falar com Carolina e Maria do Céu diz-lhe que não é um bom momento, mas ele anui que é urgente.

Vitorino liga a Sara e pergunta o que é que aconteceu, pois tem várias chamadas não atendidas do irmão. Sara diz que quer que Marcelo morra e desliga.

Camilla entra e Vitorino diz que não há novidades de Artur, mas que se passa alguma coisa com o irmão. Sara continua a rasgar camisas e a chamar traidor a Marcelo.

Chora e abraça uma camisa como se estivesse a abraçar Marcelo. Marcelo conta o que Sara fez e revela que os filhos lhes foram retirados. Carolina percebe que Marcelo quer que ela tome conta das crianças e diz-lhe que tem de falar com Vasco. Bruno diz que já está em Nova Iorque e Leo está a tentar localizar o juiz.

Vasco entra em casa, ligeiramente embriagado e abraça Carolina e diz-lhe que não se podem separar. Carolina diz que falam sobre isso depois, pois têm de falar sobre os filhos de Sara.

Artur acorda e está feliz por terem conseguido fugir e combina com Papa não dizerem a ninguém que estão vivos. Jamilah volta a dizer que quer voltar para Portugal e Camilla sugere que vão para a fazenda, e Jesus acha boa ideia.

Raissa pergunta a Paulo se vai com elas e ele diz-lhe que não pode, por causa de Artur.

Vasco continua a querer fazer o teste de ADN e acaba por concordar em receber os filhos de Sara. Carolina quer mudar de quarto, mas Vasco diz que para ele, ela vai continuar a ser sua mulher.

Sara segue alucinada, pela rua, atravessa sem olhar e é atropelada. Leo conta que encontram o juiz, mas que estava no Canadá e não nos Estados Unidos e Dalva diz-lhe para ter cuidado.

Bruno e Leo abordam o juiz perguntam-lhe onde é que ele arranjou o dinheiro para a operação da filha e que estão ali para reparar uma injustiça. O juiz tenta fugir, mas Bruno agarra-o.

Dionísio diz que Jamilah está muito satisfeita por ter contratado Laura e Carlos para o restaurante e Carlos acha que lhe fez bem tornar-se gerente do restaurante.

A enfermeira avisa que Sara acabou de acordar e está sedada. Carolina pergunta se ela se lembra que foi atropelada e Sara acusa a irmã de ter conseguido ficar com tudo o que era dela e manda-a sair.

Marcelo não sabe como vai correr a conversa de Carolina com Sara apesar dela estar mais calma e diz a Vitorino que Sara tem de saber que os filhos vão ficar com Carolina.

Jamilah está feliz por ter pedido a Dionísio para tomar conta do restaurante e Raissa fica surpreendida ao ver Paulo chegar.

Leo ameaça a filha do juiz e pede-lhe que confesse que deu uma pena exagerada a Artur e que lhe diga quem é que encomendou o serviço. O juiz diz que não pode falar e Leo ameaça-o, que morre ele e a filha.

Cláudia está à espera de Carolina, Joana aparece e pensa que ela a foi buscar. Papa dá dinheiro aos guardas e em conjunto com Artur, afirmam que está na hora da vingança.