“Valor da Vida”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 137 (4 a 10 de março)

Becas fala com Carlos sobre o desvio de opiáceos da farmacêutica e o inspetor assente ir falar com Sobral.

Rosa entra na sala e fica escandalizada ao ver as criadas refasteladas no sofá junto de Eugénio.

Eugénio diz a Rosa para aproveitar que Piedade não está e diz que espera que ela não volte. Piedade na prisão está chocada com os crimes que as outras mulheres cometeram e pede socorro.

Aisha diz a Paulo que tem mesmo de se oferecer como doador de Artur, pois o estado dele piorou muito.

Ana Clara diz ao pessoal da fábrica que Artur precisa de um doador de medula e Eugénio dá o exemplo e é o primeiro a fazer a recolha de sangue.

Aisha insiste com Paulo e diz-lhe que ele não precisa de dizer que é irmão, simplesmente que quer ser doador. Isabel vê Camilinha e diz a Aline que com Leo assim, nem sequer vai poder ter filhos. Camilla entra e diz que não se quer apegar à filha.

Carolina diz que não sai dali sem falar com a mãe, salta o portão da casa e Vasco vê-se obrigado a fazer o mesmo.

Júlia vai ter com Camilla e conta que a doença de Artur avançou de forma inesperada e pede para a bebé fazer o teste, mas Camilla não autoriza.

Médico entra no quarto de Artur e este pergunta-lhe quanto tempo tem, e o médico diz-lhe que podem ser só uns dias.

Aisha diz a Paulo que vai fazer tudo para manter Artur vivo e Jamilah estranha os segredinhos entre a filha e o monge.

Camilla justifica-se com o facto de Camilinha ser recém-nascida e Júlia mente e diz que está à espera de uma resposta do médico, mas que Artur não tem muito tempo.

Paulo diz que vai tentar acalmar Artur, com os seus ensinamentos e Jamilah diz a Raissa que não acredita naquela conversa e que eles andam a tramar alguma coisa.

Laura diz a Pepe que têm de arranjar maneira dele entrar em casa de Sara e sugere arranjar uma infestação de baratas. Jaques está preocupado, pois Carlos não os vai largar e Dalva concorda em arranjarem uma casa para os dois.

Vasco tenta levar Carolina, Leonor aparece e diz que chama a polícia se eles não forem embora. Carolina diz que não vai, pois anda há anos à procura dela e quer saber porque é que ela fugiu e não vai embora sem uma resposta.

Aisha diz ao médico que tem um possível doador e o médico diz que estão a receber muitas doações e Paulo ganha coragem e diz que é irmão de Artur. Alexandre chega e pergunta o que é que Paulo está a fazer ali.

Aisha disfarça e diz que Paulo quer fazer o teste de compatibilidade com Artur. O médico vai com Paulo e este agradece ao médico por não ter dito nada, pois é segredo.

Carolina pergunta à mãe como é que consegue ser tão fria e pergunta-lhe se já se esqueceu que tinha uma filha.

Leonor chora e Carolina abraça-a. Sara recebe chamada da secretária de Marcelo que conta que a clínica está a arder e ela não quer acreditar que Marcelo foi com aquela ideia para a frente. Isabel pergunta ao irmão se “Samuel” tem alguma coisa a ver com o que lhe aconteceu e ele diz-lhe que não o quer ver mais.

Leonor diz a Carolina que não a procurou pois não queria que ela fosse vista como a filha de uma assassina e que preferiu fingir que estava morta.

Carolina sai devastada e Vasco conta que Carolina esteve oito anos em coma. Jesus e Carolina conversam e o médico diz-lhe que vai propor a congelação a Artur, pois ele não tem nada a perder.