“Valor da Vida”: Resumo dos próximos episódios

"

Episódio 116 (11 a 17 de fevereiro)

Artur chega com Alexandre à loja e fica admirado de ver tanta gente. Eugénio e Ana Clara contam que a loja tem estado cheia desde que abriu e Artur quer celebrar. Jesus estranha que a gravidez de Camilla se mantenha e conclui que o filho não é de Artur.

Camilla pergunta se Artur está com leucemia e Jesus confirma. Isabel não gosta de ver o irmão com a cara naquele estado e Leo aconselha Bruno a arranjar opiáceos. Cidália comenta que a notícia do tiroteio está em todo o lado e recebe chamada de Artur a convida-las a ela, Michelle e Dalva para almoçar no libanês. Carlos vê as fotografias do desfile, mas não consegue ver a cara de Leo. Jesus diz que a única esperança é encontrarem um novo doador e Camilla pergunta se é possível congelar Artur de novo.

Aisha fica feliz por ver Artur e este diz que vão celebrar, pois as lojas estão cheias de gente e todos falam da publicidade que o tiroteio gerou. Nasser discute com Raissa por esta ter ido à praia e tira-lhe as chaves de casa e diz-lhe que ela não volta a sair sozinha. Jesus diz que não pode congelar a mesma pessoa duas vezes e diz que Artur pode não querer e Camilla diz que não vai desistir.

Vasco pergunta se Carolina tem a certeza do que vão fazer e Carolina diz que sim e que podem encontrar Dalva no libanês. Júlia está preocupada com Artur e Marta conta que o pai marcou um almoço de comemoração e Júlia diz que também quer ir.

Lopes dá os parabéns a Bruno e ele diz que está cheio de dores e pergunta ao antigo treinador se tem alguma coisa mais forte.

Isabel e Leo combinam a conversa que vão ter com Dalva. Carlos chega e repara numa mancha de sangue no ombro de Leo.

Carlos pergunta a Isabel a quem é que Dalva apontou a arma e Isabel diz que não sabe. Isabel conta a Leo que há uma fotografia do desfile em que se vê Dalva a apontar-lhe a arma, mas não se consegue ver que é ele e Leo diz que vai resolver.

Dalva, Cidália e Michelle chegam ao libanês e Dalva pede desculpa pelo que fez e Artur diz que já sabe os motivos. Eugénio refere que o desfile foi um sucesso e que as lojas têm filas à porta.

Jaques conta que Artur está a almoçar no libanês e Camilla diz que também vai. Horácio ouve as pessoas falarem do tiroteio no desfile e vê a fotografia de Isabel e percebe o que aconteceu.

Dalva diz que estava muito preocupada com o prejuízo que poderia ter causado e que pensavam que iam ser despedidas e Artur diz que não.

Carlos assente a Dionísio que acha que descobriu a pessoa sobre quem Dalva disparou e vai pedir autorização para colocar escutas.

Lopes dá um opiáceo a Bruno e explica como é que se toma. Júlia aparece no restaurante e Alexandre diz-lhe que é um almoço de trabalho e não de família. Júlia pergunta a Artur o que é que disseram no hospital e ele responde-lhe que pode ficar descansada, pois ele está a morrer, mas que vai ser feliz, enquanto cá estiver. Camilla chega com Jaques e todos ficam espantados.