“I Love It”: 30 de setembro a 06 de outubro

Anterior1 de 7Seguinte

banner i love itEsta Semana em “I Love It”
(30 de setembro a 06 de outubro)

Episódio 16

Beatriz está paralisada na frente de Mara e Pedro. O ambiente encontra-se tenso. Beatriz sente-se traída por Mara e discute com ela, em seguida, pede a Pedro para abandonar a festa. Beatriz vira costas a ambos, mas Pedro segue atrás dela. Pedro agarra-lhe no braço e insiste para falarem, mas Beatriz não aceita. Mara chega-se perto aos dois, assim como Leila e Cristina que se apercebem da presença de Pedro. Tomás, também avista Pedro perto de Beatriz. Tomás tenta interferir. Pedro agarra-lhe na mão e olha-a nos olhos, pedindo apenas uns minutos de conversa. Beatriz aceita, por fim, falar com Pedro.

Em privado, na lavandaria, Pedro tem a oportunidade e esclarece Beatriz acerca da noite em que Iolanda dormiu em sua casa. Pedro diz que nunca dormiu com Iolanda, que esta apenas adormeceu no seu sofá, mas que não aconteceu nada entre eles. Beatriz desconfia, dizendo que foi a própria Iolanda a admitir que eles tinham frequentemente aventuras de uma noite. Pedro percebe que Iolanda nunca disse a verdade a Beatriz. Beatriz pede para que Pedro vá embora porque está a faze-la sofrer. Pedro não quer ir embora, expressa o que sente por ela. Pedro diz a Beatriz, que quando está com ela esquece o resto do mundo e, em seguida Pedro puxa Beatriz para si e beija-a. Beatriz deixa-se beijar por instantes e depois empurra-o. Pedro sai para a cozinha, num misto de desnorte e raiva.

Beatriz sai, desnorteada, e esbarra com Tomás, que a procura. Beatriz diz para Pedro ir embora. Pedro magoado pelo pedido de Beatriz sai de rompante e zangado da festa. Tomás segue Pedro até à porta. Tomás confronta Pedro, dizendo que ele e Beatriz estão juntos e ordena-lhe que se afaste dela. Tomás fica ainda mais triste e revoltado e sai porta fora.

Beatriz confronta Mara, chateada por ter levado Pedro à festa. Mara tenta abrir os olhos a Beatriz, mas esta está cega pelas manipulações de Tomás e Iolanda. Mara abandona a festa, dizendo por fim a Beatriz, que um dia perceberá o erro que está a cometer e que não pode negar o que sente por Pedro. Depois de Mara sair, Tomás tenta consolar e animar Beatriz. Mais tarde, todos os colegas de casa abordam Beatriz no sentido de acalma-la e perceber o que se passou, mas Beatriz mostra-se evasiva. Todos juntos, a animação instala-se e Beatriz, deixa-se finalmente contagiar pelo grupo, retomando à festa.

No dia seguinte, Arrison acorda numa casa onde reina a calmaria, mas igualmente, uma grande desarrumação. Por todo o lado há vestígios da festa do dia anterior. Arrison vagueia pela casa, quando se detém ao ver Cristina parada no pátio, com o olhar distante. Arrison percebe que Cristina está receosa e quando chega perto dela, percebe que Cristina está a olhar para as pernas de três pessoas debaixo de uma manta. Arrison retira a manta e debaixo surge Rodolfo mais duas raparigas. Cristina fica chocada ao perceber que estão os três nus. As raparigas envergonhas vão embora, deixando Rodolfo amuado.

No pátio surge Tatiana, resmungando com Arrison por ter acordado cedo. Tatiana circula pela sala, zangada e a discutir, quando pisa uma lata e torce o pé. Chateada dá um chuto na lata, que vai contra um móvel. Arrison fica chocado e preocupado por Tatiana estar a estragar os móveis de Beatriz.

No seu quarto, Mara está a teclar no computador, a falar com Xavier. Mara conta-lhe o episódio da noite anterior. Xavier dá-lhe apoio e aconselha-a a falar com Beatriz. Enternecida pelas palavras de apoio, Mara sugere um encontro. Xavier demora a responder. Mara insiste, mas Xavier recusa, alegando ser complicado. A conversa por chat é interrompida pela presença de Raquel. Ao perceber que Mara fala com o namorado desconhecido, Raquel decide alertá-lo, para o perigo de nunca ter conhecido Xavier. Mara tenta descansar a irmã, dizendo que o que ela e Xavier têm é especial. Raquel remata dizendo, que ela apenas viu fotografias e que pessoalmente as coisas são diferentes, pois nunca se beijaram, nem nunca fizeram sexo. Mara continua a desvalorizar os avisos da irmã. No fim da conversa, Raquel anuncia que arranjou emprego, deixada Mara feliz.

As duas irmãs vêm do quarto, Mara despede-se para ir para o emprego, quando Tó, na sala começa a provocar Mara, dizendo que depois de Raquel arranjar emprego, já não poderá acusa-los de não se esforçarem e viverem às suas custas. Mara responde, dizendo que a irmã não é parasita, mas que Tó continua a sê-lo. Raquel acalma o ambiente, que começa progressivamente a ficar tenso. Mara sai de casa, enquanto, Tó se vitimiza perante Raquel e disfarça o ódio que sente pela cunhada. Tó pede dinheiro a Raquel e depois sai de casa, com o pretexto de ir à procura de emprego. Raquel dá-lhe o dinheiro. Sofia surge e fica chateada ao perceber que Tó saiu. Amuada, Sofia vai para o quarto.

Na praia, Leila e Arrison decidem ir até ao bar da praia buscar uns gelados, mas Leila vira as costas a Mara, mostrando-se zangada pelo que Mara fez a Beatriz. Mara percebe a intenção e fica incomodada. Em seguida, preocupada, Mara pergunta por Beatriz, deixando Leila irritada. Leila, não se contendo, confronta Mara. Leila acusa Mara de ter sido desleal com Beatriz. Mara fica ressentida e responde, dizendo que a sua intenção não era magoar Beatriz. Arrison tenta acalmar ambas, mas Leila mantém uma atitude empertigada para com Mara. Arrison puxa Leila para o areal e, decide chama-la à razão. Leila admite a Arrison sentir-se fatigada e inclusive, desconfiada com algo que notou durante a festa. Leila conta a Arrison, que viu alguns rapazes a rirem na sua direcção e a comentarem sobre uma massagem.

Enquanto, Leila desabafa com Arrison, repara em dois jovens com um smartphone na mão. Os dois rapazes alternam o olhar entre o ecrã do smartphone e Leila, por entre vários risos. Irritada, Leila chega perto e tira-lhes o smartphone da mão. Leila percebe que é um vídeo seu e fica em choque com o que vê.

Leila furiosa avança pelo corredor de forma intempestiva. Anuncia a morte de Rodolfo, enquanto o procura pela casa. No seu encalço vem Cristina. Leila avista Rodolfo deitado na cadeira de praia, muito relaxado. Leila vira a cadeira e faz Rodolfo cair no chão, em seguida apanha o smartphone e atira-o para dentro da piscina. Leila começa a agredir Rodolfo, que é apanhado de surpresa. Rodolfo fica em choque, sem perceber a razão do ataque de Leila. Cristina assiste a tudo sem perceber, mas Leila esclarece-lhe, explicando que Rodolfo filmou-a, sem ela saber e colocou o vídeo na internet. Cristina fica em choque a olhar para Rodolfo.

Nessa tarde, no bar de praia, Tomás questiona Mara, sobre a razão, para ter levado Pedro à festa. Mara recusa dar satisfações, mas malicioso Tomás ameaça-a de perder a amiga. Mara fica tensa, mas sem medo, confronta-o. Mara avisa Tomás, que um dia, ela irá ser desmascarado perante Beatriz.

Na pizzaria, Pedro conta o episódio da festa a Mário. Mário não se mostra surpreso com o facto de Iolanda ter mentido. Pedro decide encontra-se com Iolanda para esclarecer o assunto. Ao mesmo tempo, Pedro mostra-se enciumado por Beatriz andar sempre com Tomás.

Em conversa com Pedro, Iolanda admite ter mentido, alegando estar apaixonada por ele. Pedro não fica surpreso, mas revela-se distante perante os sentimentos de Iolanda. Sentindo-se rejeitada, Iolanda diz que Beatriz só quer brincar com ele e, que anda enrolada com Tomás. Pedro fica irritado com as palavras de Iolanda.

Depois da discussão com Mara, Tomás conferência com um amigo, uma forma de se vingar, sem a despedir.
Em casa, Beatriz repreende Rodolfo pela atitude para com Leila. Durante o sermão, são interrompidos pela chegada, sem aviso de Tomás. Depois de alguma conversa de circunstância, Tomás começa a envenenar Beatriz, acerca de Mara. Beatriz deixa-se levar e revela-se desiludida com Mara.

No bar da praia, Mara atende um cliente que acaba de se sentar e colocar a ementa sobre o smartphone. O cliente faz o pedido e Mara prontamente, dirige-se ao bar para fazer o cocktail, consigo leva a ementa. Em seguida, o cliente chega perto de Mara, apontando-lhe o dedo e acusando-a de ter roubado o smartphone. Mara fica em choque.

Anterior1 de 7Seguinte
Partilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Noticias relacionadas

Ao continuar a utilizar este site, está a concordar com o uso de cookies. Mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close